NiTfm live

Moda

Os novos vestidos de noiva low cost para quem não quer gastar muito dinheiro

Os tempos dos modelos tradicionais que custam milhares de euros já lá vão.
Cuidado com o arroz.

Um casamento tradicional é muito caro. Se juntarmos o preço do copo de água, da lua de mel, da lembrança para os convidados, das alianças e, claro, da roupa dos noivos, é bem provável que ultrapasse o ordenado mínimo nacional multiplicado por 24.

Acontece que os casais estão, cada vez mais, a procurar alternativas mais baratas para o grande dia da cerimónia. Há quem prefira casar na praia ou usar o jardim lá de casa, mas também quem deixe de fora os tios-avós ou escolha vestidos de noiva mais baratos.

É que se, antigamente, era quase que obrigatório levar a mãe, a prima e a melhor amiga para ajudarem a escolher um modelo pomposo de milhares de euros; agora a preferência é por propostas mais simples, algumas extravagantes e originais.

As lojas da especialidade (como a Pronovias ou a La Sposa) continuam a fazer atendimento personalizado — aliás, nem divulgam preços na Internet nem por telefone —, mas há também marcas como a Asos, La Redoute e até a H&M ou Topshop a lançarem modelos de vestidos de noiva em que vale a pena apostar.

A NiT fez uma seleção dessas propostas e mostra-as na galeria a seguir.

Sugerimos ainda que visite a Exponoiva nas Caldas da Rainha, que acontece a 26 e 27 de janeiro, tal como a NiT já tinha anunciado. Leia também o nosso artigo sobre a iniciativa que a Feira de São Mateus, em Viseu, está a preparar para a edição de 2019. Na verdade, vai estar a oferecer casamentos àqueles que se inscreverem no passatempo.