NiTfm live

Moda

O top de pérolas pensado para o verão mas que também é tendência no outono

As fashionistas apaixonaram-se pela peça e encontraram uma forma de tirá-lo do guarda-roupa, mesmo nos dias mais frios.
O look de Nina Cloquell

As pérolas são misteriosas e encantadoras. Não são pedras preciosas frias, mas esferas de origem animal, criadas principalmente pelas ostras como um mecanismo de defesa contra corpos estranhos que acabam no interior de suas conchas. 

Quando um grão de areia, um parasita ou qualquer outro material orgânico entra em contacto com a manta que protege os órgãos internos do molusco, tem início o processo de criação de uma pérola.

Top por cima da camisola de inverno.

É por causa deste pequeno milagre da natureza que é difícil existir uma exatamente igual a outra e a pérola tornou-se um objeto de desejo que conquistou o universo da moda.

Acostumadas a decorar o pescoço de musas do cinema como Audrey Hepburn e Marilyn Monroe, as pérolas tornaram-se populares e invadiram peças de vestuário, bijuterias e outros acessórios. Bordadas em camisolas e blusas, estas bolinhas são um clássico intemporal que sobrevivem tanto no verão como no inverno.

Uma prova disto é o top da marca ucraniana Bevza. Feita com plástico reciclado, mas a imitar pequenas pérolas, a peça fez parte dos looks de verão de várias consultoras de moda pelo mundo. Combinado com calças de linho ou saias longas, o modelo foi visto em vários perfis das redes sociais, como no da catalã Nina Closquell.

View this post on Instagram

The top

A post shared by Nina Urgell Cloquell (@ninauc) on

O mais surpreendente é que a peça não foi abandonada no fundo do guarda-roupa quando os dias de sol deixaram de ser frequentes. Agora, o Pearl Top está a ser usado por cima de roupas de inverno mais neutras, dando todo o destaque do look para a peça.

No verão, a top custava 485€, mas agora o preço baixou para 340€ e pode ser um investimento para a temporada primavera/verão 2020, que pode começar a usar já.

View this post on Instagram

He’s back

A post shared by Nina Urgell Cloquell (@ninauc) on