NiTfm live

Moda

NOS Alive: os crop tops são a tendência dos festivais de verão

As cores, os tecidos e os formatos variam, mas todos têm uma coisa em comum, a barriga descoberta.
Os crop tops vieram para ficar.

O NOS Alive — que se realiza no Passeio Marítimo de Algés entre os dias 11 e 13 de julho — é mais do que um festival de música. Também é, em inúmeros casos, um desfile de moda. Muitas pessoas planeiam bem o outfit que levam para o evento, pensando em todos os detalhes. É, por isso, um óptimo lugar para detetar tendências.

Depois das bolsas de cintura que invadiram o recinto na quinta-feira, 11 — e que continuam a ser as favoritas no evento —, é agora altura de falar dos crop tops. Podem ser de diferentes cortes ou tecidos mas todos têm uma coisa em comum: a barriga fica descoberta. Porém, esta proposta adapta-se a todos os corpos, podendo escolher mostrar mais pele ou usar uma parte de baixo mais subida.

A peça surgiu nos anos 30 e 40. Edith Head, figurinista da muito popular Barbara Stanwyck, vestia-a com crop tops com ombreiras, para salientar os ombros largos da atriz e combinava-os com peças de cintura alta. Rapidamente se tornaram uma tendência.

É uma moda cíclica e é verdade que nem todas as pessoas gostam de se ver com a peça, que não deixa de ser um pouco reveladora. Mas ela é apontada por muitos como prática, confortável e, sobretudo, fresca — ou seja, é ideal para um festival de verão.

Para ver alguns exemplos da tendência dos crop tops no NOS Alive deste ano, carregue na galeria.