NiTfm live

Lojas e marcas

Duas portuguesas criaram uma marca de sapatos inspirada na ilha da Madeira

A DOL Portugal usa pele italiana e faz as peças em São João da Madeira.
A Madeira foi o ponto de partida.

Sofia Drummond e Sara Lopes (43 e 44 anos, respetivamente) conheceram-se quando eram miúdas e cresceram juntas na Madeira. Certo dia, muitos anos depois, Sara convidou Sofia para um chá e partilhou a vontade de criar uma linha de joias. A conversa evoluiu e foi parar a outro sonho: uma linha de sapatos.

Depressa as amigas concluíram que podiam juntar os dois projetos, ou seja, incluir no calçado um símbolo feito com um metal precioso. No entanto, como a joia tornava as peças muito mais caras, mantiveram apenas o desenho de uma aliança e transformaram-no apenas no logotipo da nova marca, a DOL.

A inspiração surgiu da ilha da Madeira, mais precisamente da forma das ondas e das montanhas daquela zona. De resto, conta Sofia à NiT, “a DOL é sustentada por valores que privilegiam a amizade e a união”.

“Durante o desenvolvimento do projeto, utilizámos os apelidos Drummond e Lopes na assinatura dos emails. Quando decidimos adotar a aliança como símbolo, o nome ‘DOL’ tomou forma. A sonoridade da palavra também remete para ‘boneca’ [em inglês], que as mulheres identificam logo como algo ligado à beleza”, explica.

A loja das duas amigas é apenas online. A ideia é não ter apenas um lugar fixo e “permitir que os sapatos conquistem o mundo”.

O caminho profissional da dupla nada tem a ver com a moda. Sofia formou-se em design de interiores, mas passou a dedicar-se à maternidade a tempo inteiro quando o segundo filho nasceu. Sara é socióloga e concilia o trabalho na DOL com a profissão, de forma a estar sempre presente.

“Costumamos dizer, em tom de brincadeira, que eu sou a diretora criativa e a Sara é a diretora comercial. Os modelos são criados a partir de decisões conjuntas, idealizados por ambas. Passo para o papel e crio as proporções harmoniosas, muitas vezes desenhadas no próprio pé”, conta Sofia. 

Os sapatos são confecionados com peles italianas de couro mestiço para garantir uma qualidade superior. Todos os restantes materiais são de origem nacional. As peças são produzidas em São João da Madeira — a capital da indústria do calçado português —, no norte do País. Cada detalhe é talhado por profissionais da área com décadas de experiência.

Os preços dos sapatos variam. As DOL Flat são as práticas bailarinas (a 235€); as DOL Mid-heel são uns sapatos fechados com um salto de aproximadamente cinco centímetros (265€); e as DOL Flat Sandal são uma fusão entre as sandálias e as sabrinas (185€). Todos os modelos estão disponíveis no site da marca em diferentes cores e tamanhos.

Carregue na galeria e conheça os sapatos da DOL Portugal.