NiTfm live

Lojas e marcas

Há uma nova loja em Lisboa com produtos brasileiros naturais

Chama-se Granado, fica na casa Pau Brasil, no Príncipe Real, e tem produtos para a pele e para o cabelo.

É pequenina, mas formosinha.

Em 1870, a rua Direita, no centro do Rio de Janeiro, era uma das mais movimentadas da zona. Talvez por isso o emigrante português José Coxito Granado tivesse escolhido o número 14 para abrir uma loja onde fazia e vendia produtos cosméticos com extratos vegetais de plantas, ervas e flores brasileiras cultivadas em Teresópolis.

Dom Pedro II experimentou alguns produtos e mostrou o seu agrado ao tornar a Granado uma das fornecedoras oficiais da corte. Além disso, deu-lhe o título de “Pharmácia Oficial da Família Imperial Brasileira”. Os anos foram passando, a Granado cresceu — em 1912 instalou-se noutro prédio onde funcionou a fábrica durante 100 anos — e hoje tem 50 lojas espalhadas pelo Brasil.

Em Portugal, acaba de abrir a primeira. Fica no Príncipe Real, em Lisboa — mais precisamente na recente casa Pau Brasil, que tem 18 marcas brasileiras — e tem pouco mais de 20 metros quadrados.

É pequena, dirá o leitor com razão, mas tem uma panóplia grande de produtos com extratos naturais para o cabelo e corpo. Quer isto dizer que há, para homem e mulher, cremes, loções e sabonetes de várias linhas da marca.

Linhas essas que são, por exemplo, a Antisséptica (previne e combate fungos, bactérias e micoses) com sabonetes a €12; a Terrapeutics, com champôs a 10€, condicionadores a 11€ e manteiga corporal a 24€; e a Vintage, com um kit de cinco sabonetes a €35.

A loja Granado está aberta de segunda a sexta-feira, entre as 12 e as 20 horas; aos sábado, das 10 às 20 horas; e ao domingo, entre o meio dia e as 18 horas.

Oiça a nova rubrica “NiT na M80”.