NiTfm live

Lojas e marcas

Noite Branca de Lisboa: tudo o que vai acontecer pelos bairros da cidade

A mega festa está marcada para 13 de setembro, com DJ sets, lojas abertas até tarde e muitos descontos.
Tudo acontece das 17 às 23 horas.

A próxima sexta-feira 13 vai ser uma das noites mais divertidas do ano: Lisboa vai receber a mítica Noite Branca que, tal como nas últimas duas edições, promete ser um sucesso. As lojas vão estar abertas até mais tarde e com descontos especiais.

E como não há festa sem música, esta noite só termina depois de dançar ao som dos vários DJ sets espalhados pela cidade e de um concerto gratuito de Wanda Stuart, embaixadora desta edição da Noite Branca de Lisboa (juntamente com o judoca Nuno Delgado).

Vamos por partes. A iniciativa acontece das 17 às 23 horas em várias zonas da cidade. Ao Largo 1.º de Dezembro, Largo Rafael Bordalo Pinheiro, Largo Trindade Coelho, Praça Luís de Camões, Príncipe Real e Rua Castilho juntam-se os bairros de Alvalade, Benfica e Campo de Ourique. Quer isto dizer que, onde quer que esteja, vai poder juntar-se à festa.

No total, haverá nove palcos em Lisboa — os DJ David Henriques e Carolina Torres estarão no Largo Trindade Coelho (Bairro Alto); a DJ Maria Correia no Jardim São Pedro de Alcântara (Bairro Alto), a DJ Rita Mendes em Alvalade, no Largo Frei Heitor Pinto; o DJ Rui Barros, da NiTfm, na Rua 1.º de Dezembro, no Rossio. A South River Jazz Band vai atuar em Benfica e o DJ Paulo Di-Light na Praça Luís de Camões. Os restantes DJ ainda estão por confirmar.

No Largo Camões, às 22 horas, o atleta Nuno Delgado vai realizar uma performance de técnicas de ataque e defesa de karate, chamado “Kata”. Depois, Wanda Stuart irá interpretar o tema oficial da Noite Branca: “Quando o Comércio Sai à Rua”, a partir das 22h30.

Se isto não o convence, saiba que vai existir, pela primeira vez, uma espécie de passaporte que lhe dará a possibilidade de ganhar um voucher no valor de 50€ para utilizar em qualquer espaço aderente da Noite Branca. Eles serão oferecidos às primeiras quatro pessoas (vestidas de branco, claro) que apresentem o passaporte com nove carimbos de lojas aderentes à Noite Branca.

Por enquanto, não se sabe quais são as marcas que vão participar. Segundo a organização, se seguir a linha da edição do ano passado, haverá cerca de 200 lojas aderentes — entre restaurantes, sapatarias e lojas de roupa, cosméticos e acessórios. Todas elas terão um autocolante à porta para que saiba que fazem parte da iniciativa.

O objetivo da União de Associações do Comércio e Serviços, em parceria com a Câmara Municipal de Lisboa, é promover o comércio e dinamizar vários pontos da cidade. Como se chama Noite Branca, não se esqueça de um pormenor importante: o dress code implica que tem de levar roupa nesse tom.