NiTfm live

Lojas e marcas

Abriram uma loja e fizeram as influencers comprar sapatos a 500€ que só valiam 16€

A ideia foi da Payless, uma marca de sapatos americana criada em 1956.
Aqui estão elas.

O convite era tentador para qualquer influencer. Uma nova marca luxuosa de sapatos, a Palessi, tinha sido criada e o bloguer, youtuber e/ou instagrammer estava convidado não só para conhecer a loja em primeira mão, como tinha a oportunidade de comprar o calçado antes do resto das pessoas.

No dia marcado, a loja encheu-se de it girls e boys que, de telemóvel na mão, iam fotografando todos os momentos e partilhando nas redes sociais. Porém, no final, tiveram uma surpresa: era tudo mentira. Como assim?

Para provar que até os influenciadores digitais podem ser enganados facilmente, a Payless, uma marca de sapatos americana criada em 1956, resolveu arrendar uma antiga boutique da Giorgio Armani em Santa Monica, na Califórnia, e encenar a inauguração de uma luxuosa nova marca de sapatos.

No entanto, o calçado que puseram à venda não valia centenas de euros. Eram só e apenas os pares que vendem na sua marca low cost, mas com os preços alterados e uma nova etiqueta. Por exemplo, uns sapatos que custavam 16,95€ passaram para 640 dólares (cerca de 561 euros). O melhor da história é que os influenciadores ficaram fascinados com a qualidade da “nova marca” e compraram vários modelos de stilettos e sapatilhas. 

A faturação, segundo a mesma publicação, foi de 26.300€ só nas primeiras horas. Tudo isto foi filmado e originou um vídeo publicado no YouTube da Payless, no qual se vê a satisfação com que os convidados estão no evento.

No final, todos os influencers foram avisados da brincadeira e não só o dinheiro lhes foi devolvido, como ainda receberam os sapatos como presente. A ideia era, segundo a marca, “acabar com o preconceito e com a ideia do pode ser o luxo”.