NiTfm live

Beleza

Asma Beauty: o novo salão de beleza de Lisboa só usa produtos naturais

Asma Cheklout trouxe o conceito da Argélia. Todos os tratamentos que faz são personalizados.
Espaço chique.

Quando, há dois anos, Asma Cheklout trocou Béchar, na Argélia, por Lisboa, não encontrou nenhum salão de beleza como os do seu País. “Eles utilizam muito as ervas parar curar as pessoas. Aliás, a mãe de Asma não só usa-as para a saúde como para tratamentos de beleza”, conta à NiT o responsável pela comunicação do espaço, João Silva.

Esta lacuna fez com que a jovem de 28 anos quisesse abrir o Asma Beauty em Campolide, perto do Amoreiras Shopping Center. Neste novo espaço, o tratamento é 100 por cento personalizado, desde o momento em que as pessoas entram até irem embora.

View this post on Instagram

#asmabeautybodycare

A post shared by Asma Beauty (@asmabeautybodycare) on

“É tudo muito sensorial. A cliente chega e perguntam-lhe logo o que é que quer beber. Depois é seguida uma receita secreta com ervas e especiarias. É com essa bebida que a seguir são feitos os tratamentos à pele. Esta é uma forma do corpo absorver melhor as propriedades que são benéficas para a saúde”, explica João.

Asma importa a maioria dos ingredientes naturais do seu país. Usa, por exemplo, flores, açafrão do Irão, aloé vera, lavanda ou café. “Este tipo de serviço é muito frequente em Marrocos, Argélia ou no Dubai, por exemplo.”

Neste novo salão com design moderno e luxuoso, onde o azul turquesa se mistura com tons dourados, há serviços de manicura e pedicura, tratamentos faciais e massagens. A manicura de ervas e detox, por exemplo, custa 15€; o verniz de gel, 15€; e as massagens às mãos, 10€.

Há também pedicura de chocolate a 25€; tratamento natural facial a 90€; massagem facial a 20€; e primeira aplicação de pestanas a 60€ — a manutenção de duas semanas custa 20€ e de três passa para 30€.

O Asma Beauty está aberto entre segunda e sexta-feira das nove às 18 horas. Aos sábados abre até às 13 horas e fecha aos domingos.