NiTfm live

Viagens

Adora queijo? Há um parque temático perfeito para si

Aulas de culinária, degustação, loja gourmet e parque de diversão para os miúdos. Tudo isto num único lugar.
Um parque temático de dar inveja ao rato Mickey.

Pergunta para queijinho: em que país do mundo há um parque temático dedicado ao queijo? França, Suiça, Portugal ou Coreia do Sul? A resposta é Coreia do Sul, mais precisamente no condado de Imsil da Província de Jeolla.

A história do queijo Imsil começou em 1964, quando a região não tinha nenhuma especialidade gastronómica e o padre belga Didier t’Serstevens — também conhecido pelo nome coreano de Chi Chong-hwan — chegou para fazer um trabalho missionário ao norte de Jeolla.

Nesta época, o condado chamava a atenção pelas colinas verdes e exuberantes. Mesmo assim, a comunidade de fazendeiros estava a lutar pela sobrevivência. Um dia, o padre cuidava de duas cabras na montanha e recebeu uma espécie de luz divina: porque não produzir queijo com o leite das cabras e dar um novo sustento à cidade?

O projeto tornou-se ambicioso. O missionário recebeu 1800 euros dos seus pais e construiu uma pequena fábrica. Uma caverna feita com barro para a fermentação do queijo.

Imsil é a primeira região da Coreia do Sul a produzir queijo.

De tijolo em tijolo e após muitas tentativas, Didier t’Serstevens finalmente tornou o sonho realidade. Em 1967, a cidade de Imsil produziu o primeiro queijo com nacionalidade sul-coreana.

O produto passou a ser distribuído para os principais hotéis de Seul, a capital daquele país. O sucesso foi tão grande que a Coreia do Sul inaugurou sua primeira pizzaria, em 1972. O ingrediente principal, claro, era mozzarella feita em Imsil. A partir daí, o vilarejo transformou-se num destino turístico dos apaixonados por queijo.

Em 2004, o Imsil Cheese Theme Park surgiu como uma homenagem à herança leiteira da região. O passado, o presente e o futuro do queijo são ressaltados em atividades práticas organizadas pelo parque temático.

Os visitantes brincam mas também aprendem sobre o fabrico de queijos.

Um centro de experiências oferece aulas de culinária, visita à fábrica de processamento de leite, degustação e uma loja gourmet para os visitantes levarem a especialidade local para casa.

Na ementa do restaurante, esparguete com molho de queijo, pizza aos cinco queijos, fondue e cheeseburgers. Tudo à base do derivado de leite.

Com 130 mil metros quadrados — o equivalente a 18 campos de futebol, o parque temático parece saído de um desenho animado. Mickey ficaria com alguma inveja, é certo.

Aqui, tudo foi projetado com o queijo em mente.

Os prédios são em formato de fatias de queijo e a sensação é a de que a qualquer momento a dupla Tom & Jerry pode passar a correr pelo local. 

Os miúdos também podem se divertir no parque infantil ou colocando a mão na massa para fazer a própria pizza. O Imsil Cheese Theme Park está aberto de terça a domingo, das 10 às 18 horas. O parque  até tem site oficial, mas só para quem sabe coreano.

Uma das experiências do parque é a aula de culinária. O ingrediente principal é o queijo.