NiTfm live

Viagens

Portugal tem a maior percentagem de voos com perturbações da UE

No nosso País, 34% dos voos atrasaram-se ou foram cancelados desde o inicio do ano.
Aeroportos foram analisados.

Mais de 64 mil voos com partida do nosso País registaram perturbações entre janeiro e novembro deste ano. Isto coloca Portugal no topo da Europa, em termos negativos.

A AirHelp, organização mundial líder em direitos dos passageiros aéreos, analisou as perturbações de voos ocorridas em todos os países da UE, entre 1 de janeiro e 17 de novembro deste ano. E Portugal destacou-se pelos piores motivos, ao registar a maior percentagem: 34% dos voos com partida do nosso país chegaram ao destino com mais de 15 minutos de atraso ou foram cancelados. Durante o período em análise, registaram-se cerca de 64.500 voos com perturbações.

Analisando os países da UE com mais de 100 mil voos em 2019, o estudo da AirHelp concluiu que a Dinamarca apresenta o melhor desempenho em termos de pontualidade: cerca de 81% dos voos partem dentro do horário previsto. Seguem-se a Espanha e a Finlândia, com 78% dos voos a descolarem a horas.

Por outro lado, destacam-se pela negativa, além de Portugal, a Bélgica e a Grécia, com 29% dos voos a falharem o horário, e a Holanda, registando uma taxa de 28%.

A empresa que ajuda os clientes a lidar com problemas dos voos lembra que em caso de atrasos ou cancelamentos, podem sempre tentar receber uma compensação financeira.