NiTfm live

Viagens

Polvos, baleias e medusas iluminam Paris numa exposição espetacular

Quando o dia anoitece, o Jardin des Plantes transforma-se numa viagem surpreendente pelo fundo dos oceanos.
Um oceano de luzes.

Após o sucesso da iluminação de inverno de 2018, o Jardin des Plantes mergulha novamente nas profundezas do oceano. A segunda edição do evento parisiense traz animais marinhos gigantescos que se iluminam quando a noite cai.

O festival de luzes “Ocean en voie d’illumination” (“Oceano a caminho da iluminação”, em tradução livre) reúne dezenas de figuras coloridas em forma de animais, confecionadas com lanternas cobertas de seda e iluminadas com milhares de lâmpadas LED.

A exposição no Jardim Botânico de Paris, em França, vai até o dia 19 de janeiro de 2020. As obras são de artesãos da cidade de Zigong, da província chinesa de Sichuan, e foram criadas para retratar a vida dos animais na natureza. Há tartarugas, baleias, polvos, crocodilos, ursos polares e outros animais gigantes.

A ideia é promover uma viagem divertida e surpreendente pela vida marinha, mas também chamar a atenção para a fragilidade dos oceanos e das espécies que o habitam.

O passeio mágico e cheio de cores pretende não só aquecer os corações dos visitantes, como também despertar a consciência de que é preciso preservar o meio ambiente.

Durante o dia, o zoológico do Jardin de Plantes, em Paris, atrai centenas de pessoas para descobrir as mais belas espécies ameaçadas de extinção.

Quando o sol se põe, as estruturas insufláveis gigantes destacam-se ao longo dos caminhos do jardim e transformam o local num espetáculo onde é possível ver um Tiranossauro que desapareceu há 65 milhões de anos ou passar por dentro da boca de um tubarão branco.

Ao todo, são 50 estruturas monumentais espalhadas pelo Jardin de Plantes que aguardam os visitantes para um passeio divertido e iluminado. Carregue na galeria para ver as imagens noturnas do Jardin des Plantes iluminado.