NiTfm live

Viagens

Pinguins vistos a passear nas ruas vazias de África do Sul durante a quarentena

Há vídeos do momento em que os pinguins atravessam a estrada, seguros por não haver carros nem pessoas à vista.
A praia de Boulder, onde há uma colónia.

Veados, raposas, javalis, tartarugas: por todo o mundo se multiplicam episódios que mostram como o planeta em quarentena forçada parece ser muito mais apetecível para a circulação de animais, mesmo os selvagens. E esta semana deu-se mais um caso: pinguins africanos a vaguear tranquilamente pelas ruas desertas de Simon’s Town, na África do Sul.

A notícia foi divulgada pela Fundação para a Conservação de Aves Costeiras da África Austral (SANCCOB) que acrescenta que os guardas florestais não têm tido mãos a medir. Num vídeo capturado por um destes funcionários, os animais são vistos a atravessar a estrada e circular na calçada, como se nada fosse, enquanto a grande maioria dos cidadãos está em casa, por causa da pandemia do novo coronavírus.

Segundo a Business Insider” citando uma fonte desta organização, normalmente os pinguins ficam ansiosos quando os humanos estão muito próximos; mas como há muito menos veículos e pessoas por perto, estão ultimamente muito mais à vontade.

Isto implica na verdade mais trabalho para os guardas, que tentam reencaminha-los para a sua “casa”: a famosa colónia de pinguins africanos de Boulders Beach, uma de várias do género para reprodução de espécies ameaçadas.

Os pinguins africanos estão ameaçados e são já apenas encontrados na África do Sul e na Namíbia. A fundação ajuda a salvá-los, apoiar a sua reprodução e protegê-los de pessoas, animais domésticos e atropelamentos por carros.