NiTfm live

Viagens

Este comboio vai ligar vários países europeus (e reduzir a necessidade de voar)

O projeto da empresa ferroviária Eurostar chama-se "Green Speed" e poderá atrair milhões de novos passageiros à rede.
Ainda não há datas.

Imagine estar em Londres, no Reino Unido, e poder apanhar um comboio diretamente para a Alemanha. Com o novo projeto da Eurostar, a empresa que opera uma rede de comboios de alta velocidade que liga várias cidades europeias, isso vai passar a ser possível.

A iniciativa chama-se “Green Speed” (ou “velocidade verde”, em português) e pretende introduzir dezenas de novas ligações ferroviárias dentro da Europa, disponibilizando assim uma maneira de viajar mais sustentável do que andar de avião.

Com o apoio da SNCF, uma empresa pública francesa de ferrovias, vai passar a ser possível viajar de comboio entre o Reino Unido, França, Bélgica, Holanda e Alemanha. Se quiser, por exemplo, ir de Londres (Reino Unido) a Bordéus (França), poderá fazê-lo num comboio de alta-velocidade da Eurostar em cerca de quatro horas e meia.

O jornal norte-americano “The Times” avança que Guillaume Pepy, um representante da SNCF e da Eurostar, apontou as alterações climáticas e um aumento na procura de alternativas mais ecológicas às viagens de avião como as impulsionadoras do desenvolvimento de uma “resposta ambiciosa” através da “criação de uma rede europeia de comboios de alta velocidade”.

Para já, ainda não foram anunciadas datas, mas a Eurostar prevê que o “Green Speed” aumente o número de passageiros em dois terços na próxima década, de 18,5 para 30 milhões.