viagens

Andam mais de 17 mil livros pelos céus graças à easyJet

A companhia está a promover a leitura a bordo dos seus aviões.

Viajar de avião vai ser mais divertido para os miúdos.

A iniciativa ’Flybraries’ da easyJet começou a 11 de julho em Portugal e levou à criação de uma biblioteca de “book sharing” a bordo dos aviões da companhia. No total há mais de 17 500 livros, traduzidos em sete línguas, a levantar voo todos os dias.

A iniciativa surgiu depois de um estudo da autoria do Progress in International Reading Literacy Study (PIRLS) ter verificado que os estudantes portugueses do 4.º ano pioraram o desempenho da leitura entre o ano de 2011 e 2016, baixando de 541 para 538 pontos. 

O mesmo estudo conclui que apenas 7% dos estudantes avaliados têm uma classificação elevada na área da leitura, percentagem ligeiramente abaixo da media europeia (12%). 

Mas a iniciativa é em toda a Europa. A diretora da Cabin Crew da easyJet, Tina Milton, afirma que neste verão irão “transportar cerca de cinco milhões de famílias” e a biblioteca de “‘book sharing’ estará abastecida com mais de 17 500 livros prontos para os miúdos lerem”. 

A campanha conta ainda com o apoio da National Literacy Trust que em parceria com a companhia pretende promover hábitos de leitura junto dos miúdos, durante e depois do voo.