NiTfm live

Viagens

Aeroportos de Lisboa e Porto, Ryanair e easyJet entre os piores da aviação em 2019

AirHelp divulgou lista das melhores companhias e dos melhores aeroportos do mundo. Portugal só aparece nos lugares do fim.
O Aeroporto da capital não teve uma boa classificação.

A AirHelp, a maior organização do mundo especializada em direitos dos passageiros aéreos, divulgou esta quinta-feira, 9 de maio, o seu ranking anual que classifica as melhores companhias aéreas e aeroportos do mundo — e as notícias não são famosas para Portugal.

Lançado em 2015, o AirHelp Score é a mais completa e precisa avaliação de companhias e aeroportos baseada em dados, classificando-os de acordo com alguns parâmetros. A qualidade de serviço, a pontualidade, o tratamento de reclamações, a alimentação, lojas e serviços prestados durante e após o voo são alguns dos fatores avaliados.

Segundo explica a empresa em comunicado, para criar esta lista, a AirHelp usa fontes privilegiadas, incluindo a sua base de dados de estatísticas de voo (que diz ser uma das maiores e mais abrangentes do mundo), dezenas de milhares de opiniões de clientes e a experiência conseguida ao ajudar dez milhões de passageiros em todo o mundo a submeterem pedidos de compensação após perturbações em voos.

E no ranking das companhias aéreas, a TAP Air Portugal surge na 61.ª posição, entre 72 companhias, com a pontuação final de 6,04, quando a melhor companhia tem 8,2. A transportadora portuguesa apresenta uma pontuação de 7,7 em qualidade de serviço, 5,3 em tratamento de reclamações e 5,2 em pontualidade (o que significa que apenas 52 por cento dos voos chegam no horário previsto).

Nesta lista das melhores e piores companhias aéreas, a Qatar Airways volta a liderar pela positiva, seguindo-se a American Airlines, a Aeromexico, a Scandinavian Airlines e a australiana Qantas.

No sentido inverso da tabela, as cinco companhias aéreas com as piores classificações são a Ryanair (Irlanda – 68.º), Korean Air (Coreia do Sul – 69.º), Kuwait Airways (70.ª), easyJet (Reino Unido – 71.ª) e, no último lugar, a Thomas Cook Airlines (Reino Unido – 72.ª).

No ranking dos aeroportos, há dois portugueses na lista de 132 classificados, mas vêm em lugares do fim: o Aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto, ocupa a 125.ª posição e o Aeroporto General Humberto Delgado, em Lisboa, surge mesmo no último lugar, com 5,77 pontos, prejudicado sobretudo pelos pontos da pontualidade. Os melhores são o Aeroporto Internacional de Hamad (Qatar), o Aeroporto Internacional de Tóquio (Japão), o Aeroporto Internacional de Atenas (Grécia), o Aeroporto Internacional Afonso Pena (Brasil) e o polaco Aeroporto Gdańsk-Lech Wałęsa.

E empresa refere ainda que a classificação desde ano prova que as melhores companhias e aeroportos têm uma pontualidade consistente, sendo por isso recomendado às penalizadas nas pontuações que invistam mais neste campo.