NiTfm live

turismos rurais e hotéis

A escapadinha perfeita? Dormir dentro deste barril de vinho

São suites de casal com 35 metros quadrados, uma clarabóia para ver as estrelas e um deck com vista sobre as vinhas.
Uma ideia original (e romântica).

No Alto Douro Vinhateiro, na região de Lamego, está uma das mais originais propostas de sempre para aproveitar a primavera: dormir dentro de um barril de vinho, com vista para a natureza e com todo o conforto de um dos hotéis mais completos do País.

É uma oportunidade para conhecer uma quinta vinícola e um alojamento sem paralelo. Situada em Cambres, a Quinta da Pacheca, a base de tudo isto, já existe como foco de enoturismo desde 1998. 

Junto a ela, a funcionar desde 2008 como unidade hoteleira, surgiu o The Wine House Hotel, que junta alojamento à vertente de enoturismo, acrescenta-lhe vindimas e ainda história e natureza. O elegante hotel rural de quatro estrelas foi erguido numa casa típica do século XVIII e tem, na estrutura principal, 15 quartos equipados com mobiliário da época.

No resto do espaço, os hóspedes têm acesso à cozinha gourmet que prepara refeições com produtos locais e com uma vista panorâmica sobre a paisagem envolvente. Também é possível provar e comprar o vinho produzido na Quinta da Pacheca.

Existe até um programa especial para participar nas vindimas. Decorre durante o mês de setembro e começa todos os dias às 10 horas, altura em que os participantes recebem chapéus de palha, lenços tabaqueiros, uma tesoura de corte e um balde. Da parte da tarde, há provas de vinhos e pisa das uvas na adega.

Como se isto não bastasse, aos 15 quartos originais foram acrescentados, em julho do ano passado, 10 barris de vinho: isso mesmo, os Pacheca Wine Barrels, um tipo de alojamento que, com meses de vida, venceu logo o Prémio de “Melhor Empreendimento Imobiliário”, do Salão Imobiliário de Lisboa, em outubro de 2018.

A ideia surgiu “quando os antigos proprietários visitaram umas caves do Vinho do Porto e acharam os barris tão grandes que disseram, a brincar: quase que dá para dormir.” E da “brincadeira nasceu o sonho”, depois concretizado pelo arquiteto Henrique Pinto, explica fonte do espaço à NiT.

Não são mesmo barris, são suites de casal com 35 metros quadrados, uma clarabóia para ver as estrelas, um deck com vista sobre as vinhas e mobiliário a preceito. 

A quinta continua em expansão e planeia ter mais 24 quartos, um spa temático de vinoterapias com salas de tratamento, ginásio, piscinas interior e exterior, e áreas alargadas na loja de vinhos e salas polivalentes.

Se quiser saber mais ou reservar uma destas suites, pode utilizar o mail reservas@nullquintadapacheca.com. Na altura da primavera, os preços por bungalow (que é como tem de reservar os barris) rondam os 250€, por quarto para duas pessoas.

Carregue na galeria para conhecer melhor a Quinta da Pacheca e as suas Wine Barrels.