NiTfm live

Turismos Rurais e Hotéis

Monte do Freixo Poente: o novo turismo rural de sonho no Alentejo

Fica em Montemor-o-Novo e tem um serviço de chef particular para todas as refeições do dia.
Um refúgio alentejano.

A chef Susana Cigarro bateu à porta do Monte do Freixo Poente por volta das 19 horas. Levava produtos biológicos da Herdade do Freixo do Meio, queijos alentejanos comprados no mercado local de Montemor-o-Novo e ervas aromáticas colhidas da horta comunitária onde o pai trabalha.

O menu do jantar já estava definido. A típica refeição alentejana seria preparada na cozinha da casa, em frente  dos novos hóspedes do turismo rural — que abriu em janeiro de 2019, em soft opening —, para demonstrar um dos seus serviços exclusivos oferecidos pela propriedade: um chef privado que nos prepara o almoço e o jantar.

Bastam alguns minutos para o cheiro da comida tomar conta da sala. Na cozinha completamente equipada, a chef Susana segue as regras que aprendeu na prestigiada escola Cordon Bleu, em França, para chegar à essência dos pratos regionais com um toque contemporâneo.

“Este projeto quer dar ao turista o que se vive no Alentejo. Dou uma cara nova às receitas que vi meus pais fazerem durante toda a vida. Gosto de descobrir os sabores da terra, os molhos e os caldos. Compro os ingredientes de pequenos produtores locais e tenho um orgulho imenso em apresentar os queijos daqui”, conta à NiT a cozinheira Susana Cigarro, nascida e criada em Montemor-o-Novo.

O Monte do Freixo Poente pertence ao mesmo dono do hotel L’and Vineyards e faz parte da nova marca L’and Retreats. Aqui, o objetivo é dar aos clientes um refúgio integrado na natureza. A casa tem apenas três suites e uma ampla sala de estar integrada com a cozinha.

“A ideia de fazer a exploração turística surgiu, por um lado, como forma de valorizar um espaço que já existia e que estava na família há várias gerações; por outro, para valorizar a região como um destino turístico. O Monte do Freixo Poente surge a par com as tendências do turismo que apontam para um regresso às origens, uma valorização da simplicidade do luxo, conhecer o que é genuíno e autêntico e experimentar os sabores típicos da região para onde se viaja”, conta à NiT José Cunhal Sendim, proprietário do L’ands Resort.

O jantar custa 65€ por pessoa, com todos os pratos e vinhos incluídos. Antes de ser servido, a chef anuncia pessoalmente o menu: tábua com pães, queijos e enchidos alentejanos; creme de ervilhas com ovos escalfados e linguiça crocante; e bochechas de porco com purê de couve-flor e legumes salteados. Para finalizar, tartelete de requeijão com manjericão.

Se o objetivo é o descanso absoluto, os clientes também podem pedir um chef para lhes preparar o pequeno-almoço, sem qualquer custo adicional.

Entre os meses de outubro e maio, outra opção disponível é fazer a primeira refeição do dia no restaurante do L’and Vineyards (que fica a 15 minutos do Monte).

Se preferir, pode receber o pequeno-almoço à porta da suite. Ele chega numa típica cesta de vime com pão alentejano fresco, queijos e enchidos, ovos, mel, granola, compotas e doces caseiros, fruta da época e sumo de laranja natural. É entregue pelo staff na hora marcada.

Mesmo com chuva, o Monte do Freixo Poente tem uma paisagem deslumbrante para o Alentejo, sobretudo a partir da piscina. Neste propriedade de 500 hectares, o tempo passa num ritmo próprio, ideal para quem sonha em desacelerar da rotina da cidade.

Além de descansar, os hóspedes podem aproveitar as atividades de lazer organizadas pelo hotel L’and Vineyards, como aulas de ioga e meditação; ou os workshops da Herdade do Freixo do Meio, em que têm a oportunidade de aprender a fazer cortiça ou fazer enchidos.

Uma noite no Monte do Freixo, entre domingo e quinta-feira, custa 345€. Se for numa sexta-feira ou sábado, o preço sobe para 425€. A casa pode receber até sete adultos. As reservas devem ser feitas através do email reservas@l-ands,com ou do número de telefone 226 242 400,

Carregue na galeria para conhecer o novo refúgio de sonho em Montemor-o-Novo.