NiTfm live

Viagens

Parque temático sinistro recria a morte da princesa Diana

O National Enquirer Live! fica nos Estados Unidos e reproduz acontecimentos mediáticos. Abriu esta sexta-feira, 24, nos EUA.
A experiência é feita através de uma animação 3D.

Como se as circunstâncias em torno da morte da princesa Diana, em 1997, não fossem estranhas o suficiente, agora há um parque temático nos Estados Unidos onde os visitantes podem “viver os seus últimos momentos”.

O National Enquirer Live!, localizado a poucos quilómetros de Pigeon Forge, Tennessee, nos Estados Unidos, tem um simulador inspirado na morte da princesa. Além disso, reúne outros acontecimentos sinistros e mediáticos, como os comportamentos de Michael Jackson ou o julgamento de O.J. Simpson, no qual ele era acusado do brutal homicídio da ex-mulher.

O parque já está a causar polémica.

“A instalação foi toda pensada ao pormenor e é feita em 3D”, disse Robin Turner, da organização do espaço, ao jornal “Los Angeles Times”. “O simulador mostra o caminho que a princesa fez, desde o momento em que deixou o hotel Ritz, em Paris. O caminho é feito com os paparazzi até ao momento em que o flash da máquina fotográfica faz, alegadamente, o motorista despistar-se naquela noite de verão.”

Para afastar as polémicas, Turner garantiu que “não há sangue, não há nada disso, a exposição de Diana será tratada com sensibilidade, apesar de o tema ser macabro”.

O parque, que faz parte da marca da revista “National Enquirer”, abre as portas esta sexta-feira, 24 de maio. A entrada custa 22,33€ para adultos e 16,97€ para os miúdos. A exibição sobre a morte da princesa Diana é apenas uma das cem atrações disponíveis. O “National Enquirer Live!” tem até um tributo a uma capa de setembro de 1977, onde aparece o corpo de Elvis Presley no caixão.

Michael Jackson está num dos cenários.