Miúdos

Parece que andamos todos a jogar mal o Uno

Uma professora norte-americana foi ler as regras e partilhou a sua surpresa no Facebook. A publicação tornou-se viral.

Tem a certeza absoluta que sabe tudo sobre o Uno?

É um dos jogos de cartas mais famosos do mundo. No entanto, isso não significa que toda a gente saiba as regras. Acha que não se insere neste grupo? Tem a certeza absoluta de que sabe tudo sobre o Uno? Então diga-nos lá: quantas vezes lançou a carta +4, aquela que lhe permite mudar de cor e obrigar outro jogador a ir buscar quatro cartas? Sempre que lhe apetece?

Na passada terça-feira, 2 de janeiro, LaToya McCaskill, uma professora norte-americana, partilhou um texto no Facebook depois de ter lido as regras do Uno — pelos vistos estava aborrecida e não tinha nada para fazer.

Então e porque é que andamos a jogar mal? Comecemos pela carta +4. Se for como o mundo inteiro, é provável que a esteja a jogar sempre que lhe apetece. É ótimo para tramar outros jogadores: além de obrigar o adversário a ir buscar quatro cartas, pode escolher uma cor diferente para a próxima jogada.

O problema é que não pode fazer isso. Dizem as regras que só pode lançar esta carta se não tiver nenhum opção da cor da pilha. Se os outros jogadores perceberem que está a fazer bluff, terá que mostrar a sua mão e provar que eles estão enganados. Se não estiverem, tem de ir buscar quatro cartas. Se estiverem, o outro jogador tem de ir buscar seis (as quatro originais mais duas de punição).

Pode confirmar as regras do jogo — nós fomos e, de facto, é o que está no panfleto mais ignorado do mundo.

tags: jogo, uno