NiTfm live

na cidade

O novo Hub Criativo do Beato ganhou um nome internacional de peso

A empresa multinacional alemã Mercedes-Benz escolheu o novo centro de Lisboa para estabelecer a sua equipa criativa.

Este vai ser o local mais criativo de Lisboa.

A Câmara Municipal de Lisboa já tinha anunciado, no ano passado, que o antigo complexo fabril do Exército Português iria dar lugar a um pequeno mundo dentro da capital. A autarquia, em parceria com a Startup Lisboa, decidiu criar um polo criativo na cidade, destinado a novas empresas portuguesas e estrangeiras. 

Entretanto, as obras começaram. O objetivo é remodelar os 35 mil metros quadrados distribuídos pela Fábrica de Massas e da Bolacha e ainda duas unidades dos edifícios que compõem o complexo industrial da antiga Manutenção Militar. Espera-se que no final de 2019 e início de 2020 já possam ser inaugurados os primeiros espaços do complexo. 

Ainda assim, vão surgindo notícias sobre as empresas que se vão instalar nestes espaços. No centro das atenções está o hub de inovação digital da multinacional alemã, Mercedes-Benz, que escolheu um dos open spaces da Factory para ser a sua nova casa. Com um parque verde no telhado e vista para o Tejo, os 11 mil metros que lhe estão destinados vão acolher pelo menos 500 pessoas em espaços de coworking. O edifício tem ainda espaço para um restaurante e ginásio.

O futuro local da Factory Lisbon vai ter ainda um miradouro no jardim com cobertura que estará aberto ao público. Com vista privilegiada para o Tejo vão ser criadas áreas de estar para realização de eventos. Espera-se que este seja o primeiro espaço do Hub Criativo do Beato a ficar pronto, embora com derrapagem de alguns meses face ao prazo inicial — final de 2018.