NiTfm live

turismos rurais e hotéis

O Hotel Monte Palace nos Açores reabre em 2021, mas com um nome diferente

A unidade nas Sete Cidades esteve ao abandono durante quase três décadas depois de só ter estado em funcionamento durante 19 meses.

Era assim em 1990.

Foi em 1990 que o Hotel Monte Palace, nos Açores, arrecadou o prémio de Hotel do Ano. Naquela altura, era uma das unidades hoteleiras mais luxuosas da região e ficava mesmo em frente à Lagoa das Sete Cidades. Estava aberto há pouco mais de um ano quando o diretor fez o anúncio do prémio — começou a receber os primeiros hóspedes a 15 de abril de 1989. Nesse mesmo dia, declarou falência. 

Foram mais de 27 anos ao abandono com roubos e uma tentativa de venda do espaço através do OLX. No final de 2017 chegou a notícia: o hotel tinha sido finalmente vendido a um grupo de investidores asiáticos que tinha como intuito recuperar o negócio. Depois de alguns meses, parece que o projeto vai mesmo avançar e o hotel deverá abrir em 2021 avança o “Notícias ao Minuto”, citando a Agência Lusa.

Segundo a publicação, o grupo chinês Level Constellation vai apresentar um projeto à Câmara Municipal de Ponta Delgada que pretende manter a traça original do edifício e ali construir uma unidade de cinco estrelas.

No entanto, de acordo com o comunicado enviado pelo grupo, a marca Monte Palace deverá desaparecer e, até junho de 2018, ficará escolhido o grupo que fará a gestão da nova unidade.

Recorde-se que o Monte Palace era um hotel de cinco estrelas com 88 quartos, dois restaurantes, três salas de conferência, um cabeleireiro, uma tabacaria, um banco.Também tinha uma discoteca, um café, um bar e até um corredor com vitrines cheias de souvenirs. Recorde o artigo da NiT.