na cidade

Web Summit Lisboa 2018 traz atriz de “Guerra dos Tronos” e cofundador do Twitter

Conferência acontece na capital portuguesa entre 5 e 8 de novembro, no Parque das Nações, e espera mais de 70 mil visitantes de 170 países. Já sabemos os primeiros nomes e que a robô Sophia também está de volta.

A Arya Stark vem a Portugal, pessoal.

Ainda faltam seis meses e a Web Summit Lisboa 2018 já começa a tomar forma: há datas marcadas, espaços marcados e agora os primeiros nomes foram confirmados — e prometem.

A atriz britânica Maisie Williams, de 21 anos, que representa a personagem Arya Stark na popular série “A Guerra dos Tronos“, é uma das presenças já garantidas em Lisboa no outono. Outro dos nomes que foram adiantados para a Web Summit 2018 é o de Evan Williams, cofundador da rede social Twitter.

A conferência internacional de inovação e empreendedorismo, que volta a acontecer na capital portuguesa entre 5 e 8 de novembro, tem já o Parque das Nações como local escolhido, pelo terceiro ano consecutivo.

De acordo com a “TVI24”, outros nomes já confirmados incluem Sean Rad, cofundador do Tinder, Devin Wenig, CEO do eBay e Gillian Tans, CEO da Booking.com.

Mark Schneider, CEO da Nestlé, Daniel Grieder, CEO do grupo norte-americano de moda Tommy Hilfiger, Jeremy Darroch, da televisão Sky, e os presidentes das companhias aéreas Etihad Airways, dos Emirados Árabes Unidos, e da Air Asia, da Malásia estão também garantidos.

A robô Sophia, que na Web Summit do ano passado ficou famosa por avisar que os robôs vão ficar com os empregos dos humanos no futuro (e depois disso tornou-se uma estrela televisiva), também volta a marcar presença.

Este ano, são esperados mais de 70 mil visitantes de 170 países, mais dez mil do que no ano passado, num evento que se estima que traga para Lisboa e para a economia local cerca de 300 milhões de euros, a cada realização.

No entanto, segundo a Lusa, citada também pela “TVI24”, esta é a última de três edições previstas em Portugal e pode mesmo ser a última a acontecer. Isto porque, apesar do contrato com a capital portuguesa admitir a realização de mais duas edições em Lisboa, a organização da Web Summit estará já “em negociações com muitas cidades” para a edição de 2019.

A especulação de que esta edição pode ser a última na capital portuguesa já vem do final do ano passado, quando Paddy Cosgrave, fundador da Web Summit, começou a publicar fotografias nas suas redes sociais, de várias reuniões de negócios em cidades europeias como Londres, Paris e Milão.