NiTfm live

Na cidade

Vem aí uma semana de frio, chuva e muito vento — com um dia de verão pelo meio

A primavera chega esta sexta-feira, com um clima bastante instável.
Frio numa altura em que se pede, a quem pode, que fique em casa.

Agitação marítima, rajadas de vento e temperaturas bem mais frescas do que na passada semana. Foi assim que a generalidade do País acordou esta segunda-feira, 16 de março, quando todos já pensavam que a primavera vinha cedo e em força.

Só que a dias da nova estação chegar  — o que acontece já na próxima sexta-feira, 20 de março — as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) apontam para tempo mais invernoso: estão aliás sob aviso amarelo, esta segunda e terça-feira, os distritos de Faro, Setúbal, Lisboa, Leiria, Beja, Aveiro e Coimbra por vento forte com rajadas até 75 quilómetros ou agitação marítima. 

E há mais: para esta segunda-feira, há neve prevista para a Serra da Estrela, podendo regressar no fim de semana; e para terça, dia 17, há chuva esperada no sul do País. 

Olhando para os atuais mapas do IPMA, encontramos no entanto um fenómeno estranho: é que apesar de o próximo fim de semana esperar também frio, vento e até chuva e neve, esta quarta-feira, dia 18, as previsões apontam para um dia de verão — tal como aconteceu uma semana antes, quarta-feira, 11, quando assistimos ao afluxo de pessoas às praias que, em tempo de importante contenção de pandemia, tantas críticas levantou.

Desta vez não deverá haver corridas para os areais, até porque muitos deles já estão interditos e os números de infeção do coronavírus em Portugal não param de subir; mas é verdade que são esperados 26 graus de máxima para Lisboa e Leiria, 27 para Setúbal e Santarém e 25 para Braga, com o restante território com valores a rondar os 23 graus.