NiTfm live

Na cidade

Poluição do ar em Lisboa baixa para quase metade numa semana

Os níveis médios de dióxido de azoto (NO2) poluente emitido pelos automóveis e indústria tiveram uma quebra de 40 por cento.
Na capital.

A Agência Europeia do Ambiente divulgou na noite desta quarta-feira, 25 de março, os dados referentes à poluição de várias cidades europeias, de acordo com as medidas tomadas para combater a Covid-19. Estes números são medidos de hora a hora, em cerca de 3000 estações de motorização nos países europeus.

Em relação a Portugal, os níveis médios de dióxido de azoto (NO2) poluente emitido pelos automóveis e indústria tiveram uma quebra de 40 por cento em relação à semana anterior. Contudo, Francisco Pereira, da associação ambientalista Zero, deixa o alerta ao “JN“: “Esta redução está em linha com o que seria esperado, mas vale a pena esperar mais algum tempo para percebermos a magnitude da redução”. 

Vai mais longe: “Esta análise da Agência Europeia do Ambiente é prematura, porque ainda só compara duas semanas seguidas e as condições meteorológicas fazem toda a diferença. Se tivermos semanas seguidas com estes valores, aí sim, fará diferença”. Além da quebra do tráfego automóvel e das atividades industriais, Francisco admite que a redução do número de aviões nos ares e de cruzeiros no porto de Lisboa também fizeram com que houvesse menos poluição.