NiTfm live

Na cidade

Obras no Miradouro de Santa Catarina causam polémica nas redes sociais

A novidade foi anunciada através da página de Facebook da Câmara Municipal de Lisboa e os comentários não tardaram em chegar.

O espaço vai estar interdito.

“Vão iniciar-se no Miradouro de Santa Catarina, obras de intervenção para a recuperação do espaço público do mesmo e para a colocação de uma vedação de proteção. A previsão para conclusão da empreitada aponta para o final do primeiro trimestre de 2019” — foi com esta descrição, através da sua página de Facebook, que a Câmara Municipal de Lisboa anunciou as mais recentes obras da cidade.

Durante este período o miradouro terá acesso interdito e os comentários negativos não tardaram em chegar.

Vão iniciar-se no Miradouro de Santa Catarina, obras de intervenção para a recuperação do espaço público do mesmo e para…

Publicado por Câmara Municipal de Lisboa em Sexta-feira, 27 de Julho de 2018

“O melhor é trancar tudo o que é típico os alfacinhas fazerem”, lê-se. “E assim se retira a usufruição de mais um espaço em Lisboa. Até se percebe que existiam problemas de abuso para resolver mas, desculpem lá, não é a própria CML a alimentar a máquina do ócio? Vão fechar o Cais do Sodré também? E o Bairro Alto? Alfama?”, questiona outra pessoa.

Há também fique indignado com o facto de o espaço público vir a ter segurança privada, perguntando se é “mais uma daquelas lindas empresas que servem as discotecas”.

É que a câmara informa na mesma publicação que já foi desencadeada uma negociação com o atual concessionário do quiosque com o objetivo de rescisão da concessão que ali existe. A ideia é o município lançar um concurso para uma nova concessão.

Isto “implicará novas responsabilidades a quem ganhar a exploração, nomeadamente a manutenção do espaço público de todo o miradouro, limpeza e segurança do miradouro”, revelam.