Back in town

Miradouro da Ponte 25 de Abril está quase a abrir

O novo ex-libris de Lisboa faz parte do Centro Interpretativo da Ponte 25 de Abril.

A NiT quer ir trabalhar um dia para aqui.

Quem passa pela Ponte 25 de Abril em hora de ponta só quer uma coisa: sair dali o mais rápido possível. A vista é incrível, é um facto, mas o trânsito e apitadelas transtornam qualquer um.

A partir deste mês (o dia ainda não está definido) haverá muitas pessoas a querer estar lá em cima por tempo indeterminado. Estarão, porém, muito mais tranquilas a apreciar o Tejo e a cidade lisboeta. É que o tão aguardado miradouro, situado num dos pilares da ponte vai, finalmente, abrir.

O espaço, que pertence à Experiência Pilar 7 – Centro Interpretativo da Ponte 25 de Abril, vai permitir uma vista sobre Lisboa a 80 metros de altura. O chão da “varanda” é uma rede de alumínio, dando a sensação de estar na grade da ponte.

Além do miradouro, o Centro Interpretativo vai ter uma receção, uma loja, um espaço para uma visita virtual (com projeções a 360º graus) e uma cabine para tirar fotografias (o photobooth).

A visita inclui ainda uma passagem pela sala dos trabalhadores, com projeções sobre a construção da ponte e uma maquete suspensa. É nesta sala que os visitantes poderão entrar no elevador para conhecer a sala de amarração dos cabos, que permitem a ligação suspensa sobre o Tejo, e outra divisão onde será simulada a escalada da ponte.

A entrada do Centro Interpretativo da Ponte 25 de Abril será feita pela Avenida da Índia, em Alcântara. Quanto a preços, a informação ainda não foi divulgada.

Quero sugerir uma alteração ao texto ou enviar uma mensagem ao autor deste artigo