NiTfm live

na cidade

Medina diz que Aeroporto de Lisboa está “em situação de esgotamento”

O presidente da Câmara de Lisboa mostra-se "muito preocupado" com o aeroporto da capital.

Filas têm sido uma constante.

A situação do Aeroporto de Lisboa — capacidade sucessivamente lotada, companhias aéreas a limitar rotas por falta de espaço, filas para controlos e afins —, está a bloquear oportunidades de desenvolvimento económico e a causar impactos negativos na imagem da cidade e do País, considera o presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina. “Estamos muito preocupados com a situação do Aeroporto de Lisboa. Como era de prever, o aeroporto encontra-se numa situação de esgotamento”, afirmou durante uma sessão de perguntas à Câmara, na Assembleia Municipal de Lisboa.

Citado pela Lusa, e segundo o “Jornal de Negócios“, o autarca lembrou que, “infelizmente, ainda não vimos que tenham sido tomadas as decisões que se impunham a tempo para evitar que chegássemos ao ponto a que chegámos. Tenho a convicção de que a situação se vai agravar antes de conhecer melhorias”, frisou.
 
Quanto à possibilidade do aumento dos voos noturnos, o autarca da capital rejeitou esta opção, defendendo que “de cada vez que se fala nesse alargamento, não se fala de um contributo da cidade de Lisboa, feito através dos cidadãos, dos munícipes, em abdicar de algum do seu bem-estar para uma solução transitória e temporária”.