NiTfm live

Na cidade

Madeira vai ser atingida por massa de ar quente com poeiras vindas do Saara

O período mais crítico será ao final do dia, esta segunda-feira, 24 de fevereiro.
A frente vem do Norte de África.

O funcionamento do Aeroporto Internacional da Madeira Cristiano Ronaldo pode ser afetado devido à chegada ao arquipélago de uma massa de ar quente, acompanhada de poeiras do deserto do Saara, já esta segunda-feira, dia 24 de fevereiro. Este fenómeno que chega do norte de África poderá comprometer a visibilidade no aeroporto — se for inferior a cinco quilómetros, a operacionalidade fica comprometida.

Prevê-se hoje um dia quente — às 8 horas a temperatura do ar no Funchal já era de 26,6 graus” explicou à agência Lusa o diretor do Observatório Meteorológico do Funchal, Vítor Prior, acrescentando: “Está prevista uma invasão de poeiras que, em princípio, vão reduzir a visibilidade”.

As poeiras vão fustigar a costa sul da Madeira até esta terça-feira, 25 de fevereiro, altura em que se espera que as temperaturas comecem a descer. O período mais crítico será no final da tarde desta segunda-feira. 

O IPMA emitiu um aviso amarelo na costa sul da ilha até às 21 horas de segunda-feira, mas as temperaturas elevadas e atípicas para esta altura do ano já se estão a registar desde o passado sábado, 22 de fevereiro. Esta segunda-feira deverão atingir os 28 graus, o que ultrapassa o recorde histórico para o mês de fevereiro, de 27 graus, registado em 2004.