NiTfm live

Na cidade

Há quase 20 concelhos em risco máximo de incêndio no Algarve e no centro

Os distritos de Faro, Santarém, Portalegre, Guarda, Castelo Branco e Viseu são os mais afetados.
E há uma outra centena de concelhos em risco.

O verão continua e, com ele, os incêndios. Esta sexta-feira, 2 de agosto, há quase 20 concelhos em Portugal em risco máximo de incêndio, diz o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), que prevê ventos fortes no território mais alto.

Estão em risco máximo os municípios de Tarouca (Viseu); Guarda e Figueira de Castelo Rodrigo (Guarda); Covilhã, Vila Velha de Ródão, Vila de Rei e Proença-a-Nova (Castelo Branco); Nisa e Gavião (Portalegre); Mação, Sardoal e Abrantes (Santarém); e Faro, Loulé, São Brás de Alportel, Tavira, Alcoutim e Castro Marim (Faro).

Além destes, o IPMA considerou que mais uma centena de concelhos está em risco muito elevado. Esta quinta-feira, dia 1, a Proteção Civil prolongou o estado de alerta amarelo até segunda-feira, 5 de agosto — tudo porque as condições meteorológicas continuam favoráveis para o aparecimento de incêndios rurais.