NiTfm live

Na cidade

Há mais de 50 espetáculos em 3 dias em São João da Madeira (a entrada é livre)

A terceira edição do Hat Weekend está marcada para o fim de semana de 19 a 21 de julho.
O festival conta com várias atuações de rua.

Entre junho e julho, oito artistas foram desafiados a criar oito instalações de cartolas gigantes que estão agora espalhadas pelas ruas de São João da Madeira, distrito de Aveiro. O projeto chama-se “Chapéus com Memória” e foi desenvolvido a propósito do famoso festival do chapéu, que vai decorrer na cidade entre 19 e 21 de julho.

O Hat Weekend vai encher as ruas com concertos, teatro, circo de rua, arte urbana, desfiles, exposições e experiências imersivas.

A agenda conta com mais de 50 atrações, entre elas um concerto dos Kumpania Algazarra (20 de julho, às 23h30), um espetáculo de stand-up magic de Mário Daniel (19 de julho, às 22 horas) e um espetáculo Lúmen, com marionetas de grande dimensão, videomapping e uma banda sonora original (20 de julho, às 22 horas).

Se sofrer de coulrofobia — ou fobia de palhaços — prepare-se: os três dias do evento vão tê-los por toda a parte, a participar lado a lado com as outras animações. Ainda no tema circense, há uma atuação de Guillermo Leon, o manipulador de chapéus que já pertenceu ao Cirque du Soleil e do grupo espanhol Pessic de Circ, com o número “Sidecar”.

O Hat Weekend já vai na terceira edição e pretende celebrar a indústria chapeleira e as tradições da região. Durante o fim de semana, as ruas de São João da Madeira enchem-se de desfiles, marionetas, música ao vivo e pinturas faciais, que convidam pessoas de todas as idades. Consulte a agenda completa no site da organização.