NiTfm live

Na cidade

Governo vai pagar até 4800€ a quem for viver para o interior do País

O programa "Trabalhar no Interior", com incentivos a trabalhadores e estudantes para repopular a região, é lançado esta segunda-feira, dia 3 de fevereiro.
Pode candidatar-se já este ano.

Se sempre pensou em mudar de vida mas nunca teve coragem de o fazer, esta pode ser a ocasião. Nos próximos dias serão conhecidos mais detalhes mas esta segunda-feira, 3 de fevereiro, foram apresentadas as primeiras linhas do programa do governo que pretende levar mais portugueses para o interior do País. E incluem apoios financeiros.

Segundo avança a “TSF“, o programa, intitulado “Trabalhar no Interior”, vai ser apresentado esta segunda-feira pelo Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social mas antes a ministra explicou à rádio as linhas gerais.

Ana Mendes Godinho adiantou que um dos propósitos do projeto é o de fornecer apoio financeiro direto a trabalhadores que mudem para o interior ou estudantes que queiram começar a vida profissional no interior.

A rádio cita a governante esclarecendo que o valor base do apoio, vindo do Instituto de Emprego e Formação Profissional, situa-se nos 2600€, mas que pode chegar ao teto de 4800 euros, em função das despesas de instalação e transporte, bem como por cada membro do agregado.

Para ter direito a este valor, terá no entanto de celebrar um contrato de trabalho no interior, referiu Ana Mendes Godinho, adiantando que ele será dado numa fase inicial, para o arranque e instalação. 

A linha vai ser aberta durante o 1.º trimestre de 2020 e haverá também um apoio financeiro dado às empresas, para incentivar a contratação. Serão ainda criados 13 novos centros Qualifica no interior.