NiTfm live

Na cidade

Câmara de Lisboa vai arrendar 100 casas a pessoas sem-abrigo

O projeto será pago pelo município e prevê um investimento de cerca de 700 mil euros .
100 habitações em Lisboa.

Mais de 100 habitações serão arrendadas com preços especiais pela Câmara de Lisboa no âmbito do programa Housing First, num investimento de cerca de 700 mil euros. O projeto pretende atribuir uma casa e ajudar a recuperar a vida de pessoas sem-abrigo na cidade.

De acordo com um artigo publicado no jornal “Diário de Notícias“, a agência “Lusa” teve acesso a duas propostas do vereador com o pelouro dos Direitos Sociais, Manuel Grilo, que vão ser discutidas na reunião privada do executivo municipal de quinta-feira (14 de novembro).

O objetivo é que pessoas em situação de sem-abrigo com problemas de saúde mental tenham direito a pelo menos 50 casas, num investimento de cerca de 346 mil euros. Outras 50 habitações devem ser destinadas a pessoas sem-abrigo com problemas de dependência, o que resultaria em mais um investimento de 346 mil euros.

No programa Housing First, promovido pela Associação Crescer, os moradores são integrados em habitações tendencialmente individuais e têm um acompanhamento por técnicos que os ensinam a gerir uma casa tendo em vista a sua integração social.

Atualmente, a Câmara de Lisboa financia o projeto para 80 habitações, mas segundo uma nota do gabinete do vereador Manuel Grilo, este será “um dos maiores investimentos já feitos a nível local na resposta às pessoas em situação de sem-abrigo”.