NiTfm live

Na cidade

Algarvios, afinal aquilo não era um OVNI — era um satélite de Elon Musk

O fenómeno na noite de segunda-feira, 11 de novembro, provocou várias especulações mais ou menos bizarras.
Fenómeno aconteceu no dia 11 de novembro.

Na noite desta segunda-feira, 11 de novembro, vários algarvios presenciaram um fenómeno que não conseguiam explicar: luzes estranhas a voarem no céu. Rapidamente, as redes sociais foram invadidas por fotografias e vídeos com comentários que falavam em extraterrestres e outras bizarrias dignas de um episódio de “Ficheiros Secretos”.

Afinal, os OVNI eram satélites lançados ao abrigo do projeto Starlink do empresário Elon Musk. A confirmação dada pelo “Meteofontes” explica que se tratou do “lançamento dos Satélites Starlink da SpaceX, com 60 satélites ainda muito juntinhos e em baixa órbita, o que possibilitou poderem serem avistados”.

Luzes avistadas.

“Estes satélites fazem parte do projecto Starlink, com o objetivo de colocar uma ‘constelação’ de satélites em órbita e possibilitar Internet de banda larga e de alta velocidade, em todo o globo, incluindo zonas actualmente sem acesso à net”, acrescenta.

Elon Musk é um conhecido empresário sul-africano e CEO de marcas como a Tesla. Segundo a revista “Exame Informática”, prevê-se que a primeira fase deste projeto fique concluída em meados da década de 2020, altura em que mais de 12 mil satélites Starlink vão estar a orbitar em torno da Terra.

O objetivo final é escalar para mais de 40 mil satélites. Além do Algarve, as “luzes estranhas” foram avistadas em Barcelos, Aveiro, Vila Real e Coimbra. O fenómeno já aconteceu em maio noutros países, nomeadamente na Holanda.