Back in Town

Fomos conhecer o novo miradouro do Amoreiras

Há um novo spot na cidade onde a vista é a 360 graus. Esta sexta-feira, dia da inauguração, a subida é de graça.

É verdade que o Miradouro do Torel é um dos mais bonitos de Lisboa. Com uma paisagem ligeiramente diferente, mas nem por isso menos interessante, nesta coisa dos melhores spots da cidade não nos podemos esquecer também do Miradouro da Graça ou do Miradouro de São Pedro de Alcântara. E o Miradouro da Senhora do Monte, claro, que fica no ponto mais alto da cidade. Em competição entra esta sexta-feira, 29 de abril, o miradouro do Centro Comercial das Amoreiras.

Há um miradouro novo na cidade e sim, fica num centro comercial. E isso é giro? Sim, é. Esta quinta-feira, 28 de abril, a NiT subiu até ao topo da Torre 1 para conhecer o Amoreiras 360º Panoramic View e garante que não há vista na cidade como aquela. Não há obstáculos visuais: aqui a paisagem é panorâmica e a 360 graus.

O acesso ao miradouro é feito de elevador, situado no piso 2 do centro comercial, ao lado da loja de decoração Area. Assim que as portas se fecham, uma voz começa a explicar para onde é que os visitantes se encaminham e os ecrãs passam imagens que simulam a subida — tal como se estivéssemos num elevador panorâmico. Depois do elevador, os visitantes têm de subir 21 degraus até chegar ao miradouro.

E que miradouro. Quando subi o último degrau da escadaria, fui obrigada a parar por uns momentos. A ideia de um miradouro em Lisboa com uma vista a 360 graus é, na teoria, interessante. Na prática, é simplesmente de tirar o fôlego. O projeto assinado pelo arquiteto Frederico Valsassina soube bem aproveitar os 180 metros quadrados de área.

O acesso ao miradouro custa 5€ por pessoa e a permanência no local tem um limite de 15 minutos

Há dois bancos na zona central do miradouro, três telescópios que permitem ver com mais pormenor alguns detalhes da paisagem e dois mapas que mostram os monumentos, zonas emblemáticas, jardins e miradouros mais importantes da cidade. São pormenores relevantes — ninguém queria uma área vazia —, mas que não saturam demasiado o espaço. Ponto essencial: vai sentir que tem muito espaço para circular à vontade e apreciar a paisagem. E isso é o que realmente interessa.

O Amoreiras 360º Panoramic Viewtem capacidade máxima para 50 pessoas.A permanência no local tem um limite de 15minutos.

Este miradouro vem colmatar uma falha que a cidade tinha (…), que era de facto um ponto de observação no ponto mais alto da cidade”, explica à NiT Fernando Oliveira, administrador da Mundicenter. “A nossa expetativa é elevada, quer em termos de turismo nacional, quer em termos de turismo internacional.”

O miradouro abre ao público esta sexta-feira, 29 de abril. Para assinalar a data, há descontos nas lojas (consulte a lista) e, às 18h30, um concerto ao vivo de BERG. O artista vai apresentar o seu novo disco, “Tempo”. Haverá ainda degustações e sessões de maquilhagem.

O acesso ao miradouro custa 5€ (maiores de 12 anos) por pessoa ou 3€ (seis aos 12 anos). Os bilhetes podem ser adquiridos no balcão de informações do Centro Comercial das Amoreiras e, brevemente, através do site. Também é possível reservar o espaço exclusivamente para grupos — só tem de enviar um email para events@nullamoreiras360view.com.

Entre sexta-feira e domingo, a entrada é gratuita.

De 29 de abril a 30 de setembro, o miradouro está aberto nos dias úteis, das 10 às 12h30 e das 14h30 às 22 horas, e aos fins de semana, das 10 às 22 horas. De 1 de outubro a 30 de dezembro, o horário é das 10 às 12h30 e das 14h30 às 18 horas de segunda a sexta-feira, e aos fins de semana das 10 às 18 horas.

Carregue na imagem acima para saber mais sobre o Amoreiras 360º Panoramic View.

Quero sugerir uma alteração ao texto ou enviar uma mensagem ao autor deste artigo