opinião

Shameless Date: O paraíso cabe num quintal

Depois de uma tasca, o casal foi até um restaurante na Amadora com petiscos maravilhosos.

O casal esteve num restaurante na Amadora.

Depois de uma tasca em Oeiras, o casal mais fofo foi até um Quintal na Amadora onde se servem petiscos divinais. A decoração pede logo foto no Instagram, mas o que aqui realmente importou foram os pratos que chegaram à mesa. “Aconselhamos vivamente que se desloquem até à Amadora. Afinal, os espaços fantásticos não estão todos no centro de Lisboa.” Fica a dica.

Restaurante: O Quintal

Local: Amadora

Preço médio (2 pessoas): 36€

Rating: 65 (de 0 a 69)*

Ela: Neste encontro sem vergonha fomos comer, nomeadamente comer e – não sei se já disse – comer ao restaurante com morada na Amadora. Porquê dizê-lo repetidamente? Não existe outra forma de destacar o dia em que o meu estômago aumentou de tamanho. Mas não se esperaria outra coisa da nossa parte. Falemos então do que importa: Comida, Decoração e da Sara, a minha homónima graciosa que deu um novo significado ao atendimento. 

Ele: Tenho uma perdição por petiscos. Tal como um viciado, posso dizer que mal ponho a vista em cima de uma carta recheada destes acepipes, entro de imediato em transe e tudo o resto vai para o ângulo morto. Tomatada com ovo escalfado, Pimentos Padrón, Pataniscas de Bacalhau e Estaladiço de Alheira com Grelos e molho agridoce. Só de escrever a nossa selecção, fico como o Homer Simpson: estalada na testa, interjeição, e lá se foi a dieta.

Tomatada com ovo escalfado.

Ela: A entrada vintage chama por todos os instagramers, mas são os pratos na mesa que prendem o olhar. Confesso que não esperava encontrar este espaço em plena Amadora. Existe um cuidado visível em todos os empratamentos, na forma como nos servem os sabores e paladares únicos. As chips de batata doce são o acompanhamento certo para todos os petiscos pedidos, aconselhados pela Sara que, mais uma vez, acertou na mouche. Claramente boa conhecedora (e apreciadora) de todos os pratos.   

Ele: Tive de pedir ainda um prato principal. Afinal, não ia sair dali sem provar um item de cada categoria. Não gosto de ofender as pessoas. A vítima? Um Caril de Camarão com Arroz Basmati. Não vos conto como correu o crime, direi apenas que não restaram nem vestígios de ADN.

Ela: O tempero estava exemplar, as texturas no ponto, os ingredientes frescos. Este é o resultado de uma casa aberta por uma jovem da minha idade, a Margarida. Um projeto tão português, que demonstra que a nossa gastronomia é realmente a melhor e a mais rica. Aconselhamos vivamente que se desloquem até à Amadora. Afinal, os espaços fantásticos não estão todos no centro de Lisboa.

Acabar em beleza.

Ménage a Trois

Nós, os estaladiços de alheira e uma cabana. A textura crunchy, os sabores de um enchido apurado, a leveza da massa filó. Qual casamento qual quê, isto sim é amor!

Orgasmo múltiplo

O semifrio de chocolate e café. Dizem que o chocolate pode ser um substituto para o sexo. Estas pessoas claramente foram ao Quintal. Pessoal, se só puderem cometer um pecado gastronómico por semana, por favor façam um favor enorme ao escolher este doce. Uma sobremesa perfeita, principalmente para os solteiros prestes a sofrer com o Dia de São Valentim.

Turn off

A pouca luz ambiente. Gostaria de captar mais fotografias para que todos vissem as iguarias do restaurante. No entanto, a sala escura não permite as melhores imagens. Devemos admitir que foi um pouco triste não poder fazer uma pirraça online maior. Sorriso perverso + gargalhada maquiavélica.

O Luís e a Sara vivem juntos numa casa e num espaço virtual chamado Welcome ABorges.