NiTfm live

opiniao

“Casados à Primeira Vista”: o Dave voltou — e já sacou mais uma noiva

Miguel Lambertini analisa as prestações dos casais no último episódio do programa da SIC.
Dave, o engatatão.

Ao que parece, os especialistas de “Casados à Primeira Vista” gostaram tanto da bonita história do “Zé Pedreiro” contada pelo Lucas no último programa, que este domingo, 24 de novembro, obrigaram todos os casais a andar com pedras no sapato. Podia ser pior: podiam tê-los obrigado a ouvir a Lurdes cantar karaoke durante três horas.

O episódio do programa da SIC teve também uma visita inesperada dos concorrentes da primeira temporada, Graça e Dave. Graça foi dar alguns conselhos matrimoniais (a Dave); ele foi ver se havia alguma miúda gira que valesse a pena sacar. Mas, para já, vamos ao que realmente interessa e perceber como foi a semana dos casais.

Anabela e Lucas

Lucas não percebe porque é que Anabela decidiu “continuar” quando não quer lutar pela relação. “Veio brincar com os meus sentimentos. Está a dar-me um baile muito grande”.

Em retaliação, Lucas recusou-se a ir passear pela serra, a atividade que Anabela tinha preparado. Atendendo ao tom exaltado com que ambos estavam a discutir, talvez tenha sido a melhor opção, não fosse dar-se o caso de um deles voltar do passeio com a triste notícia de que o outro “escorregou” e caiu de uma escarpa de 30 metros.

Inês e Hugo

O casal passou a semana em Aveiro, terra natal de Inês. Entre vários passeios e visitas, ainda tiveram tempo para almoçar com Ana Raquel, que pergunta: “Como é tem corrido os jantares…sem mim?” Têm corrido bem, Ana, claro. Agora já não há ninguém para enxovalhar o Paulo, mas ao nível do pessimismo no sucesso da experiência e ambiente derrotista conseguiste deixar um bom legado e ótimas discípulas.

Marta e Luis

Luís sente-se só. Marta tem amigos com quem combina programas durante o fim de semana, mas os planos não incluem Luís. Marta diz que está abrir o seu mundo lentamente ao Luís, mas ele acha que ainda é muito pouco. No exercício das pedras no sapato, o casal percebeu que tinha muitas falhas de comunicação, porque quando se descalçaram, dos ténis de cada um sairam duas estátuas: uma escultura do Cutileiro e 600 metros de calçada portuguesa.

Tatiana e Bruno

O Bruninho e a Tati foram andar de mota de água, porque o Bruninho descobriu que sempre que anda de mota com a sua mulher, ela agarra-se a ele — que é, de resto, a única forma de Tatiana tocar no marido. Bruno armou-se em carapau de corrida, literalmente, e numa manobra mais arriscada caiu à água de forma violenta. Quando regressou à margem ia-se vomitando todo, que é para aprender. Ninguém gosta desses aceleras das motas de água que acham que é giro andar a abrir na água e não deixar ninguém dormir na praia.

Já na terra da Tatiana, depois de um passeio de karts, o casal foi ao Espaço Mantra, uma cave cheia de incenso, velinhas e estátuas de deuses indianos, para alinhar os chakras e criar fluxos de energia e coiso. Sentados num colchão no chão, o casal foi ouvindo as sugestões de uma senhora que dizia uma catrefada de lugares comuns e balelas, mas sempre com uma voz muito suave e relaxante.

Paulo e Lurdes

Paulo passou a semana no ambiente de Lurdes e foi conhecer a sua casa e os amigos. A relação está de vento em poupa, mas ainda assim houve espaço para se gerar um pequeno desaguisado quando Lurdes ficou pendurada à espera de Paulo. Ao que parece, o comercial não viu uma mensagem que Lurdes lhe enviou através do Whatsapp e deixou a senhora à seca à sua espera.

“Tu não podes dizer que não viste, como é que eu sei se viste ou não, até podes ter visto visto e dizer que nao viste”, acusou Lurdes. Paulo, para situações futuras aqui fica um breve tutorial que explica como saber se a mensagem foi lida ou não. Assim, pode evitar a infoexclusão, mas acima de tudo, pode atirar à cara da Lurdes na próxima discussão. Não tem de quê.

Jantar de casais

Anabela e Lucas foram os primeiros a chegar e, até surgir um novo casal, o ambiente ficou mais silencioso do que uma festa de surdos-mudos. Com todos os casais na sala, Bruno pega Lucas por trás e esfrega-se no cabeleireiro para exemplificar como é que Tatiana o agarrava na mota de água. Lucas diz que gosta de ver a relação de Tatiana e Bruno, apesar de achar que “ele é excessivamente fofinho”. E tem razão, o Bruninho é tão carente que o contacto físico apenas com a mulher não chega. É tipo aqueles cães da tia-avó que se agarram à nossa perna e tentam procriar com as nossas calças: até são fofinhos, mas passado meia hora já só queremos fechá-los na varanda.

“Hoje gosto um bocadinho mais de ti”, diz Bruno para a sua Tati, que lhe pergunta com ar de quem está prestes a vomitar: “;as porquê?” Senti que foi uma pergunta retórica, mais do género: “Porquê Senhor, o que é que eu fiz para merecer isto”?

Já na sala de jantar os participantes são surpreendidos com a chegada de um casal de convidados surpresa. Os ex-participantes Graça e Dave juntam-se aos casais para jantar, mas essencialmente para fazer perguntas que os deixam desconfortáveis e que demonstram o insucesso da experiência. Sinceramente, tinha acho mais piada se tivessem convidado o Hugo e Sónia, mas fiquei contente por ver que Dave mantém o seu penteado-texugo. O Lucas deve ter estado o jantar inteiro a contorcer-se para não sacar da tesoura e dar uma carecada ao surfista. Entretanto, na “sala de guerra”, os especialistas vão comentando com cara de enjoo as atitudes e palavras melosas do Bruno.

Dave, que está há 10 minutos na sala, também percebe que Bruno assim não vai lá e diz-lhe em surdina: “Não te quero chamar palhaço, mas não podes manifestar o teu afeto assim publicamente de forma leviana, que isso não é atrativo para nenhuma mulher.” Bruno aceita o conselho, agradece o facto de o Dave lhe ter chamado palhaço e diz que nunca tinha pensado dessa forma. Quando Graça se apercebe de que Lucas está triste e cabisbaixo, Bruno prontifica-se a abraçar Lucas e a saltar para cima dele para lhe dar carinhos e esfregar-se todo no barbeiro. Ainda assim, ninguém tem coragem para colocar o Bruno na varanda. Depois disto, Anabela fica na berlinda e Tatiana aproveita para lhe mandar umas farpas e compará-la à Sónia da primeira temporada. Cá está, a Sónia afinal não foi convidada, mas ainda assim acabou por aparecer neste jantar.

Do outro lado da mesa, Dave centra a sua atenção em Marta e dá aquela jogada clássica do “desculpa, como é que te chamas?” Marta diz que se chama Liliana — infelizmente não disse, mas tinha sido divertido — e acrescenta: “Dave, nós temos amigos em comum.” Dave, mostra-se interessado e lembra-se que viu Marta na praia há poucos dias. Quem não está a achar piada nenhuma à conversa é Luís, que se está a sentir bastante “pissed off”. Graça, que é levada da breca, percebe que se está a gerar ali um climazinho entre Marta e Dave e diz baixinho para o surfista: “A brincar a brincar ainda vais é tu.” Dave ri-se, Marta sorri e Luis fica com cara de “what da fuck”.

No dia seguinte vemos que o fisiologista acordou sozinho, porque segundo o próprio, Marta foi a uma consulta. Hum-hum, cheira-me que deve ter sido uma daquelas consultas que o Dr. Dave dá todas as sextas-feiras no hospital da praia.

Cerimónia de Compromisso

Na cerimónia de compromisso não houve grandes surpresas, nem dramas de maior, embora Lucas tenha decidido sair, provavelmente com medo de voltar a ser atacado pelo Bruno. 

Tatiana e Bruno

O casal explica que “já tiveram pedras que apareceram só que nunca chegaram a ir para o sapato”. Ok…mas eram o quê, pedras nos rins? Fiquei sem perceber. 

Depois da conversa com os especialistas sobre as emoções que sentiram na última semana, Tatiana contou que sente “que o Bruno ultrapassa os limites”. E acrescenta: “Eu tento puxar sempre o Bruno, mas chega a um momento que cansa. E eu estou cansada!” Tatiana, nós que só estamos no sofá a ver já estamos exaustos, imagino tu. Ainda assim, Tatiana decidiu ficar; e claro, o Bruninho também. Já no sofá, Bruno estava triste e verteu umas lágrimas, o que sempre é melhor do que alçar a perna e fazer xixi na perna do Lucas, o que nesta fase não é de todo improvável.

Lurdes e Paulo

Levaram uma caixa de madeira que restauraram. O casal explica que partindo de coisas separadas e velhas fizeram uma coisa nova, numa analogia à sua própria relação. Claro que a caixa ficou com muito melhor aspeto do que a relação deles, mas o que conta é a intenção. Ficámos a saber que durante a semana receberam um aparelho massajador, que batizaram de “Click”. Paulo queixou-se de que não sabia onde estava o “click” — acontece a muitos homens — e Lurdes explicou que gostou tanto que raptou o aparelho vibrador e levou-o para o seu quarto. “Faz-me bem o massajador, por isso agarrei e levei.” Claro que sim, todas a mulheres devem brincar com o “click” quando bem lhes apetecer.   

Questionados sobre a opção que tomaram, o casal decidiu escolher ‘ficar’ por mais uma semana no programa.

Inês e Hugo

Os especialistas questionaram os concorrentes sobre o estado da intimidade do casal e a conversa descambou. Depois de várias questões, Inês acabou por afirmar: “Se pensarmos em relações sexuais, esqueçam, nem daqui a dois meses.” Já Hugo mostrou-se desanimado. “Eu já estou muito cansado, mas vou continuar.” A especialista Cris Carvalho tenta incentivar Hugo e diz-lhe: “Amor é política, é tipo campanha política. Vote em mim!” Digamos que, no que refere a campanha política, estes casais são estão ao nível do Aliança — até tinham boas intenções, mas já não enganam ninguém.

No final, ambos decidiram ‘ficar’.

Marta e Luís

Marta surpreendeu um pouco ao dizer aos especialista: “O Luís respeita-me enquanto mulher, ele não toca num fio do meu cabelo, mas eu não gosto que me levantem a voz. É muito difícil estar neste relacionamento, há discussão constante e eu optei por me resguardar estas duas semanas.” Luís ficou surpreendido com as palavras da mulher. “Da maneira que ela fala até eu estou a achar: ela está a falar de uma pessoa muito agressiva, muito violenta’”, disse o concorrente, acusando Marta de estar a exagerar.

Questionados sobre as suas escolhas, Luís optou por ‘ficar’, mas Marta escolheu ‘ficar’, com pontos de interrogação. Já no sofá a troca de argumentos entre o casal continuou e Luís afirmou: “A partir de agora, eu vou começar a falar a minha verdade.”

Anabela e Lucas

Este casal já deu o que tinha a dar, tal como o próprio Lucas assumiu durante o jantar. A conversa voltou à discussão que tiveram durante a semana e Anabela afirmou: “Ele queria ouvir que eu estava na experiência por ele. Nós não falamos a mesma língua.” Anabela diz que massagens nos pés e beijos na boca são a mesma coisa para ela, o que deixa Lucas à beira de um ataque de nervos. Caso para dizer: “Beijo na boca é coisa do passado, a moda agora é… massagem no Casado.”

Mesmo após a troca de acusações, Anabela optou por ‘ficar’. Lucas, por sua vez, escolheu ‘sair’. “A Anabela não é coerente, não existe nada entre nós e o pouco que construímos já foi destruído. Esta relação não dá para mim”, disse, mantendo a sua decisão até ao fim e acabando por sair do programa. Neste momento, Bruno ponderou se devia sair e ir atrás de Lucas, mas Tatiana deu-lhe um biscoito e ele ficou.

Já a terminar, tivemos uma revelação bombástica: as cenas dos próximos episódios mostram Pedro e Liliana de regresso ao programa em aparente harmonia, como se não tivesse acontecido nada. Pronto, neste momento já vale mesmo tudo no “Casados à Primeira Vista”. E ainda diziam que o Hugo da primeira temporada é que era bipolar…