nittv

Será que os miúdos também gostam de superalimentos?

Quatro crianças, cinco ingredientes fit e cinco receitas feitas pela nutricionista Mafalda Rodrigues de Almeida, autora do livro “Superalimentos — Refeições com Mais Vida”. Tem tudo para dar certo. Ou talvez não.

Todos os dias surgem novos alimentos que prometem mundos e fundos, benefícios extraordinários, saúde para sempre — só não dão super poderes. Normalmente têm nomes peculiares como baobab ou camu-camu. Podiam ser os nomes de feitiços de Harry Potter ou golpes de artes marciais, mas na verdade são superalimentos.

Alguns ajudam a tratar problemas de pele e outros podem ser bons aliados em problemas cardiovasculares. Mas sejamos sinceros: isto não interessa nada para os miúdos. Na verdade, o critério é apenas um: que sejam doces (e saborosos, claro).

A nutricionista Mafalda Rodrigues de Almeida, autora do livro “Superalimentos — Refeições com Mais Vida” (17,70€) e do blogue “Loveat“, preparou cinco receitas do seu livro para tentar conquistar os miúdos. Os queques, os muffins e os brownies foram algumas das escolhidas, mas em versões fit.

Os ingredientes variam entre arandos vermelhos, sementes de chia, açaí, abacate e granola, e os mais pequenos puderam sentir a textura e provar cada um deles. A questão é: será que ficaram convencidos? Descubra a resposta no vídeo abaixo.

Agradecemos a colaboração dos alunos da Escola João de Deus, em Lisboa.

Quero sugerir uma alteração ao texto ou enviar uma mensagem ao autor deste artigo