nittv

My Mood: os melhores finais de tarde deste verão são no Travessia

O apresentador de televisão João Montez abriu um restaurante com um conceito “gastro pub” em Cacilhas. A NiT passou por lá.

Vai uma piadina de pepperoni?

“Tra-ves-si-a: viagem ou passagem através de uma grande extensão de terra ou mar.” Esta é uma das frases que vai encontrar espalhadas pelas paredes do Travessia Bar, em Cacilhas. Seja por mar ou por terra, de cacilheiro ou de carro, o restaurante do apresentador da TVI João Montez junta músicas, cocktails e petiscos originais num só espaço.

“Estava nos meus planos. Há muito que já queria mas entretanto não tinha as condições necessárias. Só pensava que um dia ia conseguir e em março de 2016 isso tornou-se realidade“, conta à NiT o ex-aluno de 26 anos do curso de Comunicação Social, da Universidade Católica.

Esta vontade deve-se ao facto de o pai, que também trabalha em hotelaria em Angola, “ter incutido um espírito empreendedor”. João Montez também estudou representação em Los Angeles, Estados Unidos, e trouxe de lá muita inspiração para o Travessia Bar.

O gastro pub (metade bar, metade restaurante), como o apresentador lhe chama, fica na rua mais animada da Margem Sul, a Cândido dos Reis. A escolha do local deve-se ao facto de morar ali ao lado, na Costa da Caparica, e de frequentar o espaço desde sempre.

“Esta rua é muito bairrista, pensa-se muito que isto é o nosso lar e não a nossa concorrência.”

Por outro lado, o nome do restaurante-bar está relacionado com a passagem de uma margem para a outra. Mas há mais: parte da família que vive nos Estados Unidos tem uma vinha urbana com esse nome.

Todos estes fatores fazem do Travessia o que ele é hoje. Mas o grande destaque vai para os cocktails, que são a especialidade da casa. Ou seja, primeiro o cliente escolhe a bebida e depois, consoante o que disser, recebe sugestões de pratos específicos.

“Queremos que as pessoas vão até ao Travessia porque temos uns cocktails fantásticos”, diz à NiT.

Para comer, pode encontrar uma enorme variedade de piadinas, uma espécie de sandes italiana. A piadina de pepperoni (6,50€) é uma das favoritas do apresentador. Como havia muita procura de hambúrgueres, João decidiu criar os piaburguers, uma junção entre as duas coisas. No entanto, também pode petiscar croquetes de alheira (3,50€), queijo de cabra gratinado (5€) ou nachos mexicanos (6€) — receita que trouxe dos tempos em que estudou fora. 

Essa fase da sua vida acabou por inspirar também a decoração: “Queria um espaço industrial, por isso coloquei tijoleira, luzes neon, apontamentos em madeira e temos uma espécie de janela na cozinha por onde saem e entram os pratos.”

O Travessia Bar funciona de terça-feira a domingo. Há brunch aos sábados e domingos, a partir das 12 horas. De terça a quinta-feira, pode aparecer entre as 18 horas e a meia-noite e, às sextas e sábados, a noite prolonga-se até às 2 horas.

João Montez pretende abrir um espaço com o mesmo nome daqui a dois anos em Lisboa. Mas para já, e para convencer os leitores da NiT a visitarem o espaço, limita-se a repetir a frase que usa sempre que fala do projeto: “Entrem no barco e façam esta travessia até ao nosso espaço, porque é inesquecível.”

O Travessia Bar foi o espaço escolhido pela NiT para mais uma sugestão de locais que tem mesmo que visitar ao longo deste verão. Este é o terceiro programa da web series “My Mood” apresentado por Inês Gutierrez – em parceria com o LICOR 35 – onde todos os domingos há uma nova sugestão.

Quero sugerir uma alteração ao texto ou enviar uma mensagem ao autor deste artigo