Viagens

Portugal deverá ser dos primeiros países a terem ponte aérea com o Reino Unido

Imprensa britânica diz que os destinos com corredores deverão ser anunciados para a semana.
O Algarve é um destino certo todos os anos.

Em nome do turismo, da economia de ambos os países e do acesso ao sol algarvio para os turistas britânicos, Portugal pode vir a ser uma das primeiros nações a criarem uma “ponte aérea” com o Reino Unido, permitindo que os cidadãos que viajam entre os dois estados evitem medidas de quarentena.

Neste momento, todos os cidadãos que entram em terras britânicas têm de respeitar duas semanas de quarentena, por causa da pandemia do novo coronavírus. A negociação desta ponte, ou corredor, já tinha sido referida, mas este fim de semana a imprensa britânica adiantou que Manuel Lobo Antunes, embaixador de Portugal no Reino Unido, disse que o país deseja chegar a um acordo que permita que os turistas britânicos voltem a Portugal ainda este verão.

“Achamos que a situação está sob controle e ficaríamos felizes em receber, tal como antes, o maior número possível de britânicos”, disse o português ao programa Today da BBC Radio 4, citado pelo “The Guardian“.

O jornal adianta que o governo de Boris Johnson deverá anunciar um pequeno número de acordos bilaterais de pontes aéreas na próxima segunda-feira, 29 de junho. Os destinos escolhidos serão de curta distância e supostamente com baixos níveis de transmissão de Covid-19 e os corredores poderiam iniciar-se a 4 de julho.

França, Espanha e Grécia são, além de Portugal, possíveis opções. Já no início de junho tinha sido noticiado que o governo português e britânico estavam a estudar a possível facilitação de viagens entre os dois países — na prática, a criação de um corredor aéreo — para permitir viagens e potenciar o turismo.

Na altura, o ministro dos Negócios Estrangeiros português garantiu que não havia risco acrescido no facto de os britânicos viajarem para Portugal, já que o país tem respondido muito bem à evolução do novo coronavírus, “quando comparado com outros países da União Europeia”.

Portugal é destino habitual de mais de 2,5 milhões de britânicos todos os anos, revelam dados das associações locais.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT