Viagens

Portugal entre países que podem pedir visto para a China — e Macau retoma turismo

Os portugueses que têm autorização de residência na China já podem solicitar visto para entrarem no país asiático.
A China numa lenta reabertura.

O país onde a pandemia começou tinha suspendido a entrada no país de cidadãos estrangeiros em março. Foi apenas uma de muitas medidas num país onde a quarentena foi severa. Agora, há alguma aparente normalidade a regressar.

A “TSF” cita a agência Lusa para dar conta de que os cidadãos portugueses que têm autorização de residência na China, por motivos de trabalho ou mesmo de reunião familiar, já podem voltar a solicitar visto para entrarem no país asiático.

Portugal integra uma lista de 36 países, na sua maioria membros da União Europeia, em que são permitidas estes novos pedidos. A ideia passa também pelo retomar algum intercâmbio numa fase em que a pandemia está mais controlada na Europa e na China.

Saliente-se que Macau vai também voltar a emitir vistos turísticos numa reposição faseada e num processo de retoma que será lento. Nesta altura apenas estarão disponíveis vistos turísticos para visitantes de uma parte da China Continental. Até 23 setembro será reposta a circulação entre toda a China, Macau incluído, explica o “Business Insider”. Para o antigo território português o turismo de jogo é parte essencial da economia.

Recorde-se que no final de 2019, em Wuhan, o novo coronavírus foi identificado pela primeira vez. Após uma primeira fase em que desvalorizou o problema, a China procedeu a uma quarentena total naquela cidade. Nesta fase, o país, que chegou a ser o mais afetado no início da pandemia, tem mantido o número de novos casos nas dezenas por dia. Ao todo, mais de 4.600 pessoas morreram na China devido à Covid-19.

 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT