Viagens

Exposição universal no Dubai foi adiada devido à pandemia de Covid-19

Dubai foi o vencedor do concurso para receber a próxima grande exposição mundial que prometia ser a melhor de sempre.
Já tinham sido divulgadas algumas imagens do projeto.

Estava marcada para acontecer de 20 de outubro de 2020 a 10 de abril de 2021, no empreendimento Dubai South, onde fica também o novo aeroporto internacional Al Maktoum. Seriam 173 dias de um evento que esperava receber mais de 25 milhões de visitas, 70 por cento delas vindas de fora dos Emirados Árabes Unidos.

Agora, a Expo Dubai 2020 também foi, por causa da pandemia do novo coronavírus, adiada, foi confirmado esta segunda-feira, 4 de maio.

Ao longo dos quase 200 dias de duração, a Expo mundial que vai acontecer nos Emirados Árabes Unidos tem como tema “Connecting Minds, Creating the Future” (ou “ligando mentes, criando o futuro”, em português) e vai contar com vários pavilhões para mais de 190 países participantes, divididos nos subtemas Oportunidade, Mobilidade e Sustentabilidade.

Portugal vai ser um dos 82 países com pavilhões independentes, tal como o Brasil, Reino Unido, Holanda ou Nova Zelândia. O espaço dedicado ao nosso País começou a ser construído em novembro de 2019 e terá 1800 metros quadrados com três grandes áreas e um investimento total de 21 milhões de euros por parte do governo.

O Dubai foi o vencedor do concurso internacional para receber esta próxima grande exposição mundial, ultrapassando as candidaturas de países como a Rússia, Brasil e Turquia. Aquele que promete, segundo a organização, ser “o melhor espetáculo do mundo”, deverá agora acontecer entre 1 de outubro de 2021 e 31 de março de 2022, estando ainda por determinar a data exata.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT