Viagens

Estância de ski dos Pirenéus está fechada por causa da falta de neve

É o segundo ano consecutivo que o inverno tem sido ameno na região.
A estância.

O inverno em França tem sido, até agora, o mais ameno do último século, o que tem criado um grande impacto nas estâncias de ski dos Pirenéus, noticia o “Independent”. A estância Le Mourtis teve mesmo de fechar quando ainda se encontra no meio da estação mais forte.

“Não há neve”, disse Frederic Foltran, um turista francês no local. A falta de neve forçou o resort a fechar temporariamente mais cedo as suas pistas de ski. As unidades hoteleiras registam menos visitantes e aqueles que vão até ao local optam por outras atividades, como caminhadas.

Os teleféricos.

A temperatura, durante o dia de segunda-feira, 10 de fevereiro, esteve acima dos 10.ºC. Os turistas presentes não usavam roupa de neve, nem sequer blusões, segundo a mesma publicação.

“Esquiar? Ninguém consegue garantir hoje em dia”, referiu Francois Gillaizeau, gerente do hotel e restaurante Tuc de l’Etang, que tem ainda uma loja que aluga equipamento. “Se a neve não está presente, temos de vender outra coisa.”

Scooters e bicicletas para passear pelo local são duas das alternativas. Segundo o meteorologista Christelle Robert, a última vez que se registaram temperaturas tão amenas em dezembro e janeiro, em França, foi em 1900.

Não há quase neve.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT