Viagens

Em tempos de pandemia, vai nascer em Paris um cinema sobre a água

A primeira sessão é este sábado, 18 de julho, com um filme também ele na água.
O cinema reinventa-se, a bem da segurança.

O mundo do cinema sentiu a força do impacto da pandemia. Entre filmagens e lançamentos adiados, e muitas novas normas de segurança, há também sinais de criatividade. Os cinemas drive-in, por exemplo, voltaram a ganhar adeptos em diferentes países. Em Paris, a criatividade francesa foi mais longe e vem aí uma novidade: Le Cinéma sur l’Eau um cinema sobre a água.

Há quase duas décadas que Paris conta com praias pensadas para o verão, em Bassin de la Villette. É este canal no rio Sena que vai receber esta iniciativa, que começa já no próximo sábado, dia 18 de julho, com a exibição de “Le Grand Bain”, um filme sobre um grupo de amigos de meia idade que decidiu fundar uma equipa de natação sincronizada.

Ao todo, são esperadas 150 pessoas em cadeiras típicas de praia, comas devidas distâncias, bem como outras 150 que se vão distribuir pelos 38 barcos elétricos disponíveis. Cada barco pode levar duas, quatro ou seis pessoas, desde que pertençam ao mesmo grupo próximo de amigos ou familiares, evitando-se assim a proximidade entre estranhos.

Esta sessão de estreia é gratuita e as inscrições podem ser feitas até quarta-feira, 15 de julho. Os espectadores serão escolhidos de entre os inscritos. Esta iniciativa inclui-se no projeto Paris Plages, precisamente o que foi responsável por dar à capital francesa, desde 2002, praias improvisadas no verão.

 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT