Viagens

Disneyland na Califórnia adia reabertura devido ao aumento de casos de Covid-19

Neste momento, não há previsões para o parque temático voltar a funcionar.
Ainda não é desta.

O aumento de casos de covid-19 na Califórnia, nos Estados Unidos, obrigou a Disneyland a adiar a abertura do California Adventure. A data prevista para o parque temático voltar a funcionar era 17 de julho.

No entanto, a empresa explicou esta quarta-feira, 23 de junho, que as autoridades deste estado não vão emitir quaisquer diretrizes de reabertura antes de 4 de julho. Isto significa que o grupo de entretenimento não terá tempo suficiente para adaptar os parques, hotéis e lojas à nova realidade.

“Dado o tempo necessário para trazer milhares de membros da equipa de volta ao trabalho e reiniciar os nossos negócios, não temos escolha a não ser adiar a reabertura dos nossos parques temáticos e hotéis até recebermos a aprovação oficial do governo”, diz a empresa, citada pelo “USA Today”.

A Disneyland optou por não definir uma nova data de reabertura, numa altura em que surgiu uma petição para adiar a abertura das portas deste espaço.

Neste momento, há duas reaberturas de parques com datas confirmadas: a Disneyland de Tóquio, no Japão, para 1 de julho; e a de Paris, em França, que está marcada para 15 de julho. Os parques temáticos em Hong Kong e Xangai, na China, por exemplo, já estão a funcionar.

A pandemia de Covid-19 tem provocado um enorme impacto nas mais diversas áreas, sobretudo nas de cultura e turismo. Neste momento, os Estados Unidos lideram a primeira posição da lista de países com mais casos da doença em todo o mundo, tendo já mais de dois milhões de infetados.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT