Viagens

A companhia aérea que dá cartões amarelos aos passageiros sem máscara

Tal como no futebol, se as infrações forem repetidas, a Alaska Airlines pode mesmo suspender os clientes.
Até dão máscara à entrada para os mais esquecidos.

Primeiro foram os voos suspensos e cancelados. Depois chegaram as dificuldades financeiras. Mas há um novo problema para algumas companhias aéreas, em particular nos Estados Unidos: há passageiros que insistem em não usar máscara durante os voos.

A Alaska Airlines arranjou uma forma criativa para lidar com a situação: os passageiros que se recusarem a usar máscara serão avisados. Em vez de ser o árbitro a anotar no cartão o nome do infrator, o próprio cartão explica a política da empresa e as razões para o uso de máscara.

Na eventualidade de um passageiro repetir a falta, não há um cartão vermelho, mas existe algo semelhante: o passageiro sem máscara arrisca ser alvo de uma suspensão, por tempo indefinido, ficando assim impedido de voar naquela companhia.

Isentos destas regras que a Alaska Airlines revelou estão as crianças com menos de dois anos, pessoas com dificuldades respiratórias clinicamente comprovadas e pessoas que não consigam, sem assistência, retirar a máscara. Os passageiros que se tenham esquecido da máscara em casa não têm de se preocupar: a companhia aérea fornece à entrada para o aparelho. 

Duplo amarelo vale suspensão.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT