Viagens

Aeroporto Paris-Orly reabriu com um voo para o Porto

O aeroporto chegou a ser dado como fechado até setembro. Voltou a funcionar esta sexta-feira, com uma ligação a Portugal.
Paris.

Durante a fase inicial da pandemia do novo coronavírus na Europa, a França chegou a ser um dos países mais afetados no continente. Entre negócios fechados, voos parados (salvo viagens de emergência) e literalmente metade do mundo em casa para conter o surto, o aeroporto de Orly, um dos maiores de Paris, fechou mesmo.

Não só encerrou, remetendo as tais ligações raras ou urgentes para o Charles de Gaulle, como se preparou para um fecho expectável até, pelo menos, ao final do verão. Mas não foi assim. A situação em França tem evoluído favoravelmente e esta sexta-feira, 16 de junho, Orly reabriu mais de três meses depois — com um voo para Portugal logo na viagem inaugural.

Um avião da low cost holandesa Transavia descolou de Paris às 6h25 hora local, 5h25 em Lisboa, sendo o momento celebrado com mangueiradas de bombeiros ao aparelho.

Segundo a companhia, há agora novas medidas sanitárias a cumprir, incluindo a utilização obrigatória de máscara (passageiros e empregados),  embarque sequencial e limitação de pessoas a bordo de pontes e autocarros e ainda oferta adaptada de serviços e produtos a bordo.

Orly tem ainda medições de temperatura, dispensadores de álcool gel e marcas de distanciamento.

A tripulação com máscara.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT