Na cidade

Trotinetes vão ter estacionamento obrigatório em Lisboa

As empresas têm até fevereiro para instalar um sistema de georreferenciação nos velocípedes.
Cuidado onde estaciona.

Se mora ou trabalha em Lisboa é impossível ainda não ter reparado nas dezenas de trotinetes espalhadas pela cidade. Aliás, muitas delas estão junto a escadas do metro ou até caídas ao virar da esquina.

Segundo o jornal “Eco“, a Câmara Municipal de Lisboa quer acabar com esse cenário, por isso vai obrigar as cinco empresas que exploram os velocípedes (Lime, Hive, Tier, Bungo e Voi) “a implementarem um mecanismo para que os utilizadores só consigam terminar as viagens nos locais apropriados”.

De acordo com as declarações do vereador Miguel Gaspar ao jornal, “Lisboa está perto de ter 400 locais identificados com condições para o estacionamento destes veículos, e que têm sido assinalados na via pública com autocolantes”. Assim, a autarquia quer que até fevereiro as empresas assinalem através da georreferenciação os locais de estacionamento obrigatório.

Porém, não confirma se é logo a partir dessa data que, caso seja encontrada uma trotinete fora do sítio, haja multa para a empresa e/ou utilizador. “Informámos os operadores de que deveriam estar prontos para esta funcionalidade até fevereiro. Se de facto vamos implementar isso ou não, também depende da nossa capacidade de organização da carga”, explicou ao “Eco”.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT