Na cidade

Quem não usar máscara nos transportes públicos poderá ter de pagar uma multa

O primeiro ministro explicou na tarde desta quinta-feira que estão previstas coimas para quem não usar equipamentos de proteção.

Na reunião do Conselho de Ministros desta quinta-feira, 30 de abril, foram definidas as novas medidas que entrarão em vigor com o levantamento do estado de emergência no País. A partir de segunda-feira, 4 de maio, será obrigatório usar máscara de proteção nos transportes públicos.

Durante a apresentação do calendário para o desconfinamento, António Costa explicou aos portugueses os equipamentos de proteção devem sempre ser usados nas escolas, transportes públicos, comércio e espaços públicos onde haja uma grande concentração de pessoas,acrescentando: “Na rua depende, se for um grande ajuntamento, o risco é grande. A norma é o bom senso”.

Neste sentido, o primeiro ministro alertou que estão previstas multas para quem utilizar os transportes públicos sem máscara, já que nestes locais é difícil garantir o afastamento e o distanciamento social. No entanto, ainda não se sabe quando entrará esta medida em vigor nem os valores que serão aplicados.

As coimas pela não utilização de máscaras nos transportes públicos começam nos 120 euros e podem ir até aos 350 euros.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT