Na cidade

Morre um golfinho por dia em Portugal

A investigadora Catarina Eira, da Universidade de Aveiro, alerta para ameaça de extinção da espécie boto.
Foto de Cape Cruiser.

Portugal tem uma grande comunidade de golfinhos, mais precisamente em zonas como Setúbal e Algarve. Acontece que a espécie boto pode estar em vias de extinção. Segundo a informação divulgada este sábado, 29 de fevereiro, pela “Lusa”, citada pelo “Notícias ao Minuto”, morre um golfinho por dia no nosso País.

Diz a publicação que Catarina Eira, investigadora da Universidade de Aveiro, enviou recentemente uma carta à Comissão Europeia, mais precisamente aos ministros do mar de 22 estados, a pedir solução para as capturas acidentais de golfinhos e outros animais marinhos nas águas comunitárias.

A especialista portuguesa afirma que a Universidade recolheu no ano passado cerca de 320 golfinhos, só no Norte e Centro de Portugal. “Temos contabilizado animais que chegam já mortos às praias”. Nas análises, os investigadores chegam à conclusão que na maioria das vezes a espécie é capturada em redes de pesca.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT