Na cidade

Céu estrelado do Alqueva foi eleito o destino europeu do ano

O Dark Sky Alqueva recebeu mais um prémio internacional. E vai ter um programa especial para o Dia dos Namorados.
Foto do Instagram da Dark Sky (Miguel Claro).

Os céus estrelados do Alqueva são absolutamente únicos e o mundo começa a reconhecê-lo. O Dark Sky Alqueva acaba de ser distinguido internacionalmente como Europe’s Leading Tourist Destination nos Corporate Travel Awards, que foram anunciados no passado dia 7 de fevereiro.

Segundo informações da Associação Dark Sky Alqueva, a lista completa destes prémios, que pode consultar online, inclui o resultado de análises feita por especialistas da revista britânica CEO Today, com base em vários critérios para chegar a uma compilação de sugestões de elite. 

Caso ainda não saiba, o Dark Sky Alqueva foi o primeiro sítio do mundo a ser certificado pela Starlight Foundation, um selo de qualidade que atesta as características únicas do céu noturno. Em linhas simples, esta importante certificação internacional reconhece as condições de excelência existentes para a observação do céu escuro.

Segundo explica a associação responsável pela promoção da região, os Destinos Starlight são fundamentalmente lugares que têm uma poluição luminosa muito baixa, onde os visitantes podem desfrutar de oportunidades únicas para ver o céu à noite — algo cada vez mais difícil na generalidade do mundo, pelo menos com clareza, devido à poluição luminosa.

Só que em Alqueva as condições atmosféricas e a clareza tornam possível aos visitantes verem o espetáculo das estrelas durante a maior parte do ano.

A certificação Starlight cobre uma área de 10 mil quilómetros quadrados à volta do lago Alqueva, incluindo áreas dos concelhos portugueses e espanhóis. Com a qualidade do céu já certificada em dez concelhos portugueses (Alandroal, Barrancos, Moura, Mourão, Redondo, Reguengos de Monsaraz, Portel, Évora, Mértola e Serpa), o Dark Sky tem nos últimos anos reforçado a aposta em atividades diurnas e noturnas, em redes de parcerias e sobretudo na criação de uma Rota Dark Sky.

Este percurso permite ajudar os visitantes a explorarem todo o potencial incrível da região, que não termina no seu céu: há o lago, restos megalíticos, fauna e flora, bons alojamentos e gastronomia. Por isso a Rota ajuda-o a participar em atividades como observação de pássaros, caminhadas, passeios a cavalo, observação da vida selvagem, canoagem, passeios de balão, ioga, jantares à beira do lago e atividades infantis. E claro, observação de estrelas, com a disponibilização de telescópios e binóculos, cursos práticos, workshops e inicativas várias.

Há também uma lista de unidades de turismo rural fornecidas pela Rota Dark Sky, espaços adaptados para atender às necessidades dos astroturistas (desde refeições tardias. a levar merendas para o exterior, ou mesmo a ter uma ceia preparada para quando chegar). As reservas podem ser feitas através do site.

Pode carregar na galeria para conhecer alguns dos turismos rurais e hotéis mais intimistas, giros e acolhedores da região para conhecer finalmente as premiadas estrelas do Alqueva; mas antes saiba que ainda vai a tempo de marcar uma das melhores surpresas do Dia dos Namorados de sempre.

A rede tem um programa de São Valentim que inclui uma sessão de observação nocturna no Observatório Oficial Dark Sky Alqueva na Cumeada, acompanhada por um bom vinho e um jantar romântico no Restaurante Aloendro — pode reservar para os dias 14 ou 15 de fevereiro. O preço, já com jantar, é de 50€. Depois, é só marcar a noite num destes incríveis espaços.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT